Fatos do Metrô do RJ…

Já há alguns dias vem sendo anunciado no Metrô aqui do Rio que a passagem subirá de R$ 2,60 para R$ 2,80. Um aumento de pouco mais de 7%, mas que fará com que quem usa 2 metrôs por dia gaste R$ 8,00 a mais por mês. Nem soaria tão absurdo assim, se o preço, em termos absolutos, já não fosse caro (em SP, o Metrô, já reajustado, custa R$ 2,55… menos que aqui, sem reajuste!).
Além disso, as composições são simplesmente hiper-lotadas nos horários de maior movimento, com direito a pessoas passando mal em dias de maior calor, quando o ar condicionado não dá vazão ao excesso de excesso de gente (repetição proposital). Isso sem contar que o povo que volta da praia (estamos falando da situação mais precária que a média em dias de grande calor, certo?) resolve voltar no mesmo horário que quem trabalha sai do trabalho. Se só quem trabalha já lota o metrô, que dirá quando há acréscimos… feriados escolares (tipo dia do professor) costumam ser o terror…
“Então torce pra chover…” NÃÃÃOOOO!!! Se chover, essa cidade para!!! (nova regra: verbo parar sem acento). O trânsito para e simplesmente não dá pra se ENTRAR nas ESTAÇÕES do metrô, porque todo mundo corre pro metrô (ou trem). Caos!!!
Isso sem falar nos famigerados “trens curtos”, com apenas 4 “carros” e que só andam apinhados, mesmo quando não se está nos piores horários. Agora também temos a nova “moda” da Metrô Rio, que eu apelidei de “pseudo-trens curtos”, composições com número normal de vagões, mas que um deles vem apagado e “com as portas travadas”, tão problemáticos quanto os trens curtos…
Depois de se familiarizar com todas essas questões, você ainda vê as propagandas da Metrô Rio, dizendo coisas como “Pode comemorar, você acaba de entrar para o século XXI”. Pessoal, alguém precisa avisar pra Metrô Rio que o século XXI começou há 8 anos, então não há nada pra comemorar, eles estão é atrasados!!! Fora os outros motivos alegados para comemorações como ampliação do trecho coberto pelo metrô, com a inauguração de mais três estações, ampliação da frota de composições (com o consequente aumento da capacidade de transporte de passageiros) e a mudança de percurso da linha 2 que passará a alcançar a Zona Sul, indo até Botafogo. Tudo isso prometido para 2010/2011 e algumas dessas coisas para 2014! Ou seja, só depois do fim da 1ª década do século é que o metrô do Rio de Janeiro estará entrando para o século XXI, segundo a própria propaganda deles! E até lá, quem usa o metrô fica como? Entulhado? Esmagado? Recebendo “massagens tailandesas forçadas e não-solicitadas”? Será que vai ser preciso algo sério acontecer para dar uma acelerada no processo?
E a partir de amanhã, nós, cariocas e mais quem estiver passando por aqui, pagaremos R$ 2,80 pra usar o metrô!
“A-há! 1º de Abril!”… e aí, tem alguém esperando por essa frase? Bem que eu gostaria, mas infelizmente é tudo verdade…
Para quebrar a tradição, eu hoje resolvi fazer um post de “verdade de 1º de Abril”… pode até parecer mentira, mas… é… a realidade é dura.
Rafael-san, O Enxugador de Gelo

Comments

  1. Responder

  2. By Marly

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *