Cebolinha 500 – Edição Especial

Edição especial chega as bancas com bela capa metalizada!

cebolinha500a

Em Junho de 2011, a revista da Mônica atingiu a marca de 500 edições no Brasil com
o seu número 54 pela Panini. Isto rendeu uma ótima edição especial!

Desta vez, em Fevereiro de 2014, na sua edição 86, Cebolinha chega as 500 edições
no Brasil. Novamente os estúdios da MSP e Panini resolveram comemorar o fato,
com uma edição especial nos mesmos moldes da edição 500 da Mônica: Capa com
efeito metalizado e histórias que relembram várias passagens de edições clássicas!

Assim como em Mônica 500, esta edição de Cebolinha possui 2 versões: uma com
capa normal, que chegou logo no início do mês as bancas, e outra com efeitos
metalizados na capa e papel de melhor qualidade no conteúdo, que chegou fim de
Fevereiro. O valor da edição normal custa R$ 3,90 e a edição especial R$ 4,90.

Detalhe é a numeração normal da revista, presente apenas na edição simples,
enquanto na edição especial foi retirada (assim como ocorreu em Mônica 500).

Quanto a edição propriamente dita… está mediana… um tanto fraca, se comparada a
edição de Mônica 500.

Começando pela Capa, que está bem bonita, relembrando detalhes da primeira capa
do careca, juntamente com vários vilões clássicos.

A história principal ocupa mais da metade da Revista e… é enrolativa demais. Numa
pequena sinopse, o Capitão Feio lembra-se que sua coleção de Quadrinhos está meio
capenga… faltam edições. Um dos ajudantes porquentos do Capitão, termina
encontrando a primeira edição de Cebolinha jogada na rua e traz para o sujão, que fica
animadaço! Na mesma hora ele resolve ler e tem uma surpresa que é um fato real
incompreensível: O Capitão Feio está na capa da HQ mas não tem nenhuma história
com ele dentro da revista! Rss. Doideiras a parte… Capitão Feio fica revoltado e tem a
brilhante ideia (ou não…) de reclamar com o pessoal da MSP… até ver o Cebolinha na
rua com o Lápis “poder-supremo-que-todo-super-herói-ou-vilão-queria-ter” da Marina
(que tem o poder de criar dimensões e andar pelo tempo). Daí… já dá para imaginar..!
Começa uma volta por várias situações de Revistinhas clássicas, que tem por objetivo
alterar a primeira edição… com direito ao retorno de vários vilões.

O problema é que se torna chato demais… simplesmente caem em um local qualquer,
enfrentam um vilão, saem do local, e caem num local qualquer, enfrentam um vilão,
saem do local e caem num lo… arrego. É legal rever personagens? É! Mas deveria
haver um roteiro melhor.

As próximas histórias possuem ligação com a primeira, pois cebolinha ainda está com
o Lápis da Marina e percorre a HQ inteira…

Na sequência temos Mister B, uma historinha do Bidú com seu genérico do Mister M
em outra história fraca. Vale pelas menções a outros quadrinhos como Batman, Calvin
e Haroldo, Peanuts e até os personagens de Valente, de Vitor Cafaggi!

Em seguida temos Penadinho com outra história fraca.

A partir daí, melhora!
A próxima do Louco é bem interessante! O personagem sempre rende boas sacadas!

Seu Juca é a personagem da penúltima história, que também é interessante.

Por fim, na última história, Cebolinha retorna a sua primeira tirinha. Nada demais,
mas o final é bem bonito!

Resumindo… uma edição mediana, que realmente não se compara a já clássica
Mônica 500. Vale como edição histórica e colecionável! Crianças vão gostar, mas
obviamente não irão lembrar de nenhuma sacada da revista, apenas os fãs de longa
data.

Confira algumas imagens da edição especial (clique para ampliar):

Edição especial com capa metalizada.

Edição especial com capa metalizada.

Abertura.
Abertura.

Páginas iniciais da primeira história.

Páginas iniciais da primeira história.

Primeira página da segunda história.

Primeira página da segunda história.

Primeira página da terceira história.

Primeira página da terceira história.

Primeira página da última  história.

Primeira página da última história.

 Para finalizar, uma imagem da Capa de Mônica 500:

Clipboard07

 

 

Parabéns Cebolinha!!
E brevemente Magalí chega aos 500!

 

** Cebolinha, Mônica e Turma da Mônica são propriedade de MSP Estudios. Publicados exclusivamente pela Editora PANINI. Todos os direitos reservados. Imagens publicadas com intuito de divulgação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *