Top Aglomerado: Os Melhores videoclipes do ano

Ao terminar um ano musical, todos os sites começam a divulgar suas listas de melhores vídeos e melhores álbuns, o que faz todo o sentido porque, na industrial fonográfica, um material lançado em dezembro, por exemplo, ja é considerado como material do ano seguinte. Mas aqui no Aglomerado News NÃO! Aqui o ano termina quando o ano termina, por isso, vamos começar a primeira semana do ano com minha queridas listinhas! =D

OK GO! – This Too Shall Pass

O OK GO! sempre entra nas listas de melhores clipes do ano (mesmo não chegando perto das listas de melhores álbuns, músicas, singles…), e não é pra menos; os rapazes são bem originais na hora de ilustrar suas canções. Não foi diferente com This Too Shall Pass, que tem uma primeira versão (tão bem produzida quanto a segunda), mas foi com este video que eles entraram na nossa lista!

Hold Your Horses! – 70 million

Nunca sequer ouvi falar dessa banda antes, mas não há como negar a originalidade de 70 Million, da banda americana Hold Your Horses!, que utilizando os próprios integrantes da banda, faz uma viagem pela história da arte e seus principais criadores.

Florence and The Machine – Dog Days Are Over 
(segunda versão)

http://vimeo.com/moogaloop.swf?clip_id=10067071&server=vimeo.com&show_title=1&show_byline=1&show_portrait=0&color=&fullscreen=1

Pode ser eleita como uma das músicas do ano. Eu ja estou cantando esta pedra a séculos. Florence and The Machine, ja fazia sucesso na Europa, mas foi em 2010, aparecendo no cenário musical americano, que esta bela ruiva se fez aparecer. Esta versão de Dog Day Are Over é a segunda, feita exclusivamente para o lançamento americano do single, mas fez tanto sucesso que até algumas personagens do vídeo foram incorporadas as apresentações da cantora. Quem gostou desta versão pode conferir a primeira, que, apesar de conceitual, é tão boa quanto.

Dan Black – Symphonies

O vídeo não é mega produzido, mas como uma peça que homenageia o cinema, vale a pena ser citado. O legal do vídeo é tentar descobrir quais são os filmes que ilustram a música.

Lady Gaga feat. Beyoncé – Telephone

Por MUITO pouco esse não foi o vídeo mais citado e assistido no Youtube, pelomenos Telephone, de Lady Gaga (quem não souber quem ela é deve morrer!), perdeu para outro clipe dela mesma: Bad Romance. Telephone é uma grande homenagem a clássicos do cinema como Kill Bill e Thelma e séries como NCIS, cheio de easter eggs BEM nerds (tem Easter Eggs de Doom, Command & Conquer e Star Wars, por exemplo) e tiradas engraçadinhas. Este é o segundo video de uma série que conta a historia do personagem Lady Gaga, uma celebridade que passa a fugir da policia após assassinar seu namorado (no clipe de Paparazzi).

Faithless – Not Going Home

Nesse ano as animações vieram com tudo. O Faithless está em baixa no cenário mundial, mas não é por isso que deixa de fazer bons clipes. Essa animação é uma verdadeira viagem alucinógena num mundo colorido e BEM adulto.

The Editors – Eat Raw Meat = Blood Drool

http://www.dailymotion.com/swf/video/xd0mfg?width=560&autoPlay=0&start=&additionalInfos=0&foreground=%23F7FFFD&highlight=%23FFC300&background=%23171D1B&hideInfos=0&colors=background%3A171D1B%3Bforeground%3AF7FFFD%3Bspecial%3AFFC300%3B

Muita teoria da conspiração em um universo que parece ter saído de um desenho da Hanna Barbera, só que BEM dark.

Darkstar – Gold

http://c.brightcove.com/services/viewer/federated_f9?isVid=1&isUI=1

Um videoclipe de um tomografia? é muito mais que isso!

The Japanese Popstars feat. Green Velvet – Let Go


The Japanese Popstars Feat. Green Velvet – Let Go from Blink on Vimeo.

Outra animação bem louca que merece ter um destaque aqui. A música é do grupo irlandês The Japanese Popstar e o vídeo (quem gosta de ilustração e animação vai AMAR) foi digirido por David Wilson.

The Bronken Bells – The Ghost Inside

Um certo dia, entediado com a madrugada sem NADA bom pra ner na tv por assinatura, eu parei na VH1 Megahits e estava começando uma clipe de uma banda q eu nunca ouvi falar: Broken Bells. Foi amor a primeira vista, fazendo a banda entrar na minha seleta lista de melhores álbuns do ano. Este clipe é PHODAH!

Robyn – Indestructible

Eu sempre gostei da Robyn, mesmo quando ela fazia musicas bagaceiras, mas esse ano ela veio com tudo. Lançou a elogiada e bem sucedia trilogia de álbuns “Body Talk“, esta sendo chamada para inúmeras participações e, na nossa modésta listinha, aparece com o clipe de Indestructible, uma das melhores músicas desta trilogia de álbuns. Melhor do clipe? Ver os liquidos coloriodos passando pelo corpo da cantora.

M.I.A. – Born Free

Violento, realista e engajado. Assim podemos definir este vídeo que foi censurado no Youtube, por conter cenas explicitas de violencia. É um protesto a realidado do Sri Lanka.

Kanye West – Power

Não gosto NADA do Kanye West, mas temos que adimitir que ele é petulante ao fazer uma clipe assim. Inspirado nas obra de Michelangelo, este clipe é uma loucura de tão bonito!

Janelle Monáe – Coldwar

Para ir contra a maré da grandes produções, orçamentos caríssimos e “grandes atuações” em clipes de cantoras do cenário mainstream, Janelle Monáe mostra que, indiferente do ritmo da música, um belo clipe não precisa de firúlas e efeitos especiais para ser belo. Cold War é intimista, emocionante e certeiro!

James Blake – Limit To Your Love

Minimalista, indie e MUITO bem digirido. Limit To Your Love é uma música da cantora canadense Feist, que foi reinterpretado pelo, até então, desconhecido James Blake. Com uma voz doce que lembra os áureos tempos do Bryan Ferry, Blake faz aquilo que nós esperamos ver num bom cover: seu toque pessoal, mas sem perder a essência da música.

Comments

  1. Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *