Algumas Dicas para Disgaea (jogo para PS2 / PSP)

 Último Update do Post: 11/05/2012 – Dica nova acrescentada. Para quem aproveitou a dica da luta impossível, uma sugestão de o que fazer com seus personagens treinados especialmente para a tal luta e também uma sugestão para destravar logo uma das melhores classes do jogo. Também, dois novos “Toques” (os dois últimos) foram acrescentados na respectiva seção.

Para quem visita o post pela primeira vez: Esse post é bem extenso e meio que “parede de texto”, então sugiro que você use o índice do post para achar quais dicas podem te interessar e então use a função de busca/localizar texto do seu navegador (Ctrl+F) para alcançar mais rapidamente essas dicas.

Além disso, uma mesma dica pode conter várias informações, umas interessantes para você e outras não, por isso se o que estiver sendo dito não te interessar muito, pule para o parágrafo seguinte. Os parágrafos, dentro do possível, foram feitos respeitando-se a ideia de “uma ideia por parágrafo”. O que significa que um parágrafo “chato” pode ser seguido de outro “interessante”.

E mais: esse post está sujeito a updates. Eles virão sempre que houver algo a ser acrescentado e quando houver tempo hábil para tal. Se você gostou do post e quer saber das atualizações, favorite o post (Ctrl+D) e volte aqui de quando em vez ou, muito melhor, siga @aglomeradonews no Twitter.

Disgaea?

Pra quem nunca ouviu falar, Disgaea é um RPG estratégico baseado em turnos, onde você move seus personagens num “tabuleiro” (cenário) 3D (tipo Final Fantasy Tactics, Tactics Ogre, Record of Agarest War e MUITOS outros). O jogo se passa no mundo dos demônios (Makai), mas não espere nada sombrio… com um traço bem simples e gráficos bastante coloridos, Disgaea faz mais piada em cima dos demônios do que realmente os leva a sério enquanto tal. O jogo é bem divertido e como diz uma personagem que serve de tutorial: “Há varias coisas em Disgaea para se explorar, como a “Dark Assembly” ou o “Item World”, mas você pode zerar o jogo com o mínimo de conhecimento”. Ou seja você pode simplesmente jogar pra ver a história “principal” do jogo ou pode, caso goste do sistema do jogo, partir para as coisas “secundárias” e descobrir que o level 100 de um personagem é apenas o começo da “carreira” dele…

As dicas daqui serão bem simples e servem tanto para o Disgaea do PS2…

… quanto para o Disgaea do PSP.

Índice de Conteúdo:

“Super Tenshi Flonne” – Flonne, a Super Anjo – aproveitando a Flonne, uma personagem comumente mal-aproveitada pelos jogadores de Disgaea (incidentalmente, essa dica contém a dica para criar um(a) super-mago(a) ou super-clérigo(a)).

Magos Multi-elementais – Que tal ter todos os magos do jogo com todas as magias sem ter que ficar transmigrando a galera toda? (pode ser feito em conjunto com a dica da Flonne).

Melhorando personagens ruins e/ou em nível baixo – algumas palavras sobre como começar a treinar personagens que ficaram para trás em relação ao resto do grupo.

Itens e Equipamentos – Um pouco sobre os “números” ligados aos itens (especialmente aos equipamentos) e que às vezes confundem a galera. Incidentalmente um pouco sobre Raridade (itens Raros e Lendários) e sobre o Item World.

Um pouco sobre o Mundo dos Itens – Um pouquinho sobre o Item World e também uma primeira dica para quem quer começar a explorar melhor o Item World, mas tem o grupo ainda meio fraquinho.

Criando um Personagem Explorador para o Mundo dos Itens – Não quer ficar na dependência de Lift/Throw no Item World? Essa dica talvez possa lhe ajudar…

Explorando o “Item Wold” de itens de rank alto – É possível obter alguns benefícios fazendo uma exploração (mesmo que parcial) do Item World de itens com Rank alto, mesmo que seus personagens ainda não estejam tão fortes assim. Além de alguns benefício potenciais interessantes, ainda é um bom desafio. Claro que se você já tem level suficiente pra encarar “na marra”, não vai precisar da dica… mas quem sabe ela lhe dê umas ideias?

– Algumas Explicações sobre GeoPanels – Explicações sobre GeoPanels, GeoSymbols (e seus GeoEffects), a “reação em cadeia” que você pode fazer com eles, métodos fáceis de garantir que a reação em cadeia seja “completa” e como contornar os efeitos mais chatos que podem atrapalhar a dita reação em cadeia.

Um “Testament” de graça e mais quantos outros você quiser… – A dica mais manjada de Disgaea não podia continuar de fora daqui… e com um acréscimo interessante: como conseguir um bom item (que melhora todos os atributos do personagem) quantas vezes você quiser / puder.

Criando um “Item de Treinamento” – Essa dica é um excelente complemento para quem quer fazer “power leveling” ou só dar uma ajeitada no nível da galera antes de partir para uma luta mais difícil.

Dicas para “Power Leveling” e treino de magias – como fazer seus personagens (um de cada vez) subirem muitos níveis em poucos batalhas e aproveitar ainda para subir as magias de nível (ganhando mais área e alcance com elas).

– A “Luta Impossível” do Episódio 6 – uma dica para você passar da batalha (inicialmente) impossível no Episódio 6 do jogo, mesmo não estando num New Game+. E sem trapacear o jogo.

– “Escalando” a dificuldade dos Item Worlds – Que tal aproveitar seus personagens treinados na dica anterior para descolar novos -e mais poderosos- itens e destravar uma das melhores classes do jogo?

“Toques” – Pequenas dicas sobre temas diversos. Indolores e descomplicadas (algumas bem manjadas), mas potencialmente úteis. Algumas “dicas perdidas” (dicas que estavam dentro de outras dicas) também foram movidas pra cá.

Miscelânea: “Respondendo ao que não foi perguntado” – Um aglomerado de dicas e “toques” para quem aterrissou aqui no Aglomerado via Google atrás de uma informação específica sobre Disgaea que não estava coberta nas dicas.

Comentários Antigos – Durante a mudança de plataforma, muitos comentários foram perdidos e alguns deles continham dicas, por isso eles foram resgatados de um backup e estão agora copiados NA ÍNTEGRA nessa parte do post.

* * * * * *

“Super Tenshi Flonne” – Flonne, a Super Anjo

Eu vejo muita gente na internet reclamando da Flonne (oh, sim, a voz americana dela é horrível, mas o ponto  da questão aqui não é esse…), dizendo que ela é fraca e uma das piores personagem do jogo. Que tal torná-la uma das melhores personagens do seu grupo?

 

Como fazer essa simpática anjinha se tornar uma excelente assassina de adversários? O método é simples e ele vai te levar também à uma outra dica, que é como criar uma “super maga”. A Flonne só entra no seu grupo no final do segundo capítulo do jogo. Pode ser um pouco chato, mas não crie magos nem clérigos até lá.

“E como eu meu viro nos primeiros capítulos sem magos e clérigos?” Simples: use o Laharl e a Etna para trucidar uns oponentes e juntar 20 Mana com cada um. Pode ser no mapa tutorial mesmo. Vá na Dark Assembly e faça cada um deles criar um par de Guerreiro(a) e Brawler. Você vai ter 2 Brawlers (tenha certeza de ser um homem e uma mulher) e 2 warriors (também tenha certeza de ser um homem e uma mulher, mas quem vai ser criado pelo Laharl e quem será pela Etna indifere). Já são 6 personagens, fora os Prinnies. Basta levar um warrior e um brawler (tanto faz homem ou mulher) ao nível 5 para abrir Scout e Rogue. O Rogue é ruim em batalhas, mas é a única classe boa para roubar itens (então, pode guardá-lo para depois, se preferir) e o Scout é especialista em armas de fogo. Agora você terá gente o bastante para passar os dois capítulos sem aperto. Com personagens em nível 5 você passa do primeiro capítulo tranquilo e com gente em nível 7~8, você passa do segundo. Eu passei do segundo capítulo sem ter usado meu Scout e Rogue, mas para quem nunca jogou antes, uma ajuda extra pode ser boa. Levando seus warriors e brawlers até o nível 10, você abrirá ainda as classes Ronin e Ninja (no futuro, claro. Atingir nível 10 com quatro personagens no segundo capítulo do jogo é um esforço desnecessário).

Uma vez que a Flonne entre no seu time, se você for ver os status dela, vai perceber que as únicas opções realmente viáveis de arma pra ela são: Cajado, Arco-e-Flecha ou Armas-de-Fogo. A compatibilidade dela com armas de fogo não é tão boa, então normalmente você descarta essa opção de cara. A compatibilidade dela com cajados é a melhor possível, mas ela só começa com uma magia “Power of Love”, que é de cura, e não custa tão pouco SP assim…. e contando que cajados são inúteis para bater, a maioria das pessoas bota um arco na mão da Flonne, já que a compatibilidade dela com arco é a 2ª melhor possível. Pronto, está estragada a personagem. A única personagem que realmente rende algo decente com arco é  a classe das Arqueiras (que não tem contra-parte masculina). Bem, agora que estamos com a Flonne, vamos à dica, em si:

Primeiramente, vamos precisar ganhar um pouco de Mana com a Flonne, para criarmos uma discípula na Dark Assembly. Então, ponha um arco na mão da Flonne, porque no momento ela não dispõe de nada melhor que possa matar oponente. Vá para o “Magnificent Gate” do “Vyers Castle” ou para o mapa do Tutorial e mate uns inimigos. Na Dark Assmebly, certifique-se de ter 10 Mana ou mais e, então, crie uma clériga (ou um clérigo, fica a seu gosto). Dê TAMBÉM um arco para ela (não desequipe o da Flonne) e volte ao “Magnificent Gate” e, dessa vez, use a clériga para exterminar os inimigos. Ela não deve dar conta de matar os inimigos de nível 2 só com uma flechada. Então, use a Flonne e depois ela em um “combo” (mas quem deve matar o inimigo é a clériga). Em outras palavras, mande a Flonne acertar o inimigo, depois a clériga e só então dê “Execute”.

Junte 10 Mana com a Clériga e use-a para criar uma das Magas elementais (Red / Green / Blue). Vá treinar em algum lugar e deixe a Clériga e a Maga “encostadas” uma na outra. Se você abir o Menu de habilidades da Clériga, verá que ela tem a mesma magia que a Maga, mas em nível 0. Use a magia algumas vezes com a Clériga até que ela (a magia) atinja nível 1. A partir daí, não há mais necessidade de deixar a Maga em um quadrado adjacente ao da Clériga, pois ela já aprendeu a magia.

Agora use a Maga para matar uns oponentes e junte 10 Mana com ela. Use-a para criar a próxima Maga elemental. Ensine a magia dela para a primeira maga e então para a Clériga. Agora junte 10 Mana com a 2ª Maga e use-a para criar a 3ª Maga e passe as magias até chegar à Clériga. (Se você quiser ver como ter todas as Magas com todas as magias cada uma, veja a dica dos Magos Multi-elementais).

Quando a Clériga já tiver as três magias em nível 1, a Flonne já deve ter distribuído flechadas em inimigos suficientes para ter nível 3 de habilidade com Arco. Parabéns! Você acaba de destravar a classe “Archer”. Se você vai criar uma agora ou depois, fica por sua conta.

Agora que sua clériga tem magias dos três elementos, dê um cajado decente pra ela e outro para a Flonne e faça o mesmo que fez com a clériga: ensine as magias para a Flonne. Será mais rápido agora porque a clériga já tem magias dos três elementos, então é só colar a Flonne nela e deixar os inimigos virem pra cima… ou ir para cima deles. A Flonne como maga é absurda! E com os bônus que ela ganhar da discípula dela (a clériga), ela será mais absurda ainda. E a clériga também será outra coisa devastadora (já que ela recebe bônus das magas).

Para “completar” a dica: Quando as suas três magas elementais chegarem ao nível 5, a classe “Star Mage” (que causa dano não-elemental) será aberta. Faça o mesmo que foi feito com as três magas para ter as “Star Magic” com a clériga e a Flonne. Quando as magas forem aprendendo novas magias (Mega Flame/Star/Ice/Wind, Giga…), você terá que repetir o processo de “aprender” as magias, mas o esforço compensa porque tanto a clériga quanto a Flonne serão excelentes no campo de batalha. E como a Flonne não tem fraqueza elemental, você não precisará se preocupar com isso quando mandá-la pra cima de outros magos…

Pode parecer que dá muito trabalho, mas na verdade é fácil, simples e indolor… apenas toma um pouquinho de tempo… mas nem é tanto assim. Essa história de mestres poderem pegar as habilidades dos discípulos vale para todas as classes, mas a maioria das habilidades fica “amarrada” a um certo tipo de arma estar equipado… mas os bônus nos atributos os mestres sempre levam.

* * * * * *

Magos Multi-Elementais

Uma aplicação direta da relação mestre-discípulo e, de certa forma, um “complemento” da dica anterior (mas não é necessário ler a dica anterior). Altamente recomendado esse para quem gosta de usar as maguinhas (ou os Skulls) e quiser criar um “esquadrão-mago” arrasa-quarteirão. A coisa é simples: escolha alguém para encabeçar a turma. Pode ser a Flonne ou um(a) Clérigo(a). [Nota: Como eu habitualmente só uso a ala feminina dos usuários de magia -até porque a voz dos Skulls é algo irritante- vou falar sempre no feminino, OK?).

Caso você queira encabeçar a linha dos magos com a Flonne, use-a para criar uma clériga. Use a Clériga para matar alguns inimigos em algum mapa fácil e junte 10 Mana. Agora crie uma das três magas elementais (Red / Green / Blue). Ganhe 10 Mana com a maga (aproveite e ensine a magia dessa maga para a clériga) e crie a 2ª maga elemental (diferente da 1ª, claro!) e repita o processo com ela para criar a 3ª maga.

Fazendo isso, você terá (opcionalmente a Flonne, com as mesmas magias da Clériga) uma Clériga que cura e ataca com todos os elementos, uma maga que usa os três elementos, uma com 2 elementos e outra com 1 só. Ainda não parece tão bom, mas vai melhorar. Eleve o nível das suas 3 maguinhas para 5 e você destravará a Star Mage. Crie a Star Mage com sua 3ª maga (aquela que, até o momento, só ataca com um elemento). Agora vá ensinando a magia “Star” de discípula para mestra até chegar na Clériga (ou na Flonne). A esta altura as coisas ainda estão meio desequilibradas para suas 2ª e 3ª magas elementais (e pra Star Mage), mas não se preocupe.

NOTA: Em algum momento do seu treinamento, você deve destravar a classe Knight (que exige UMA Warrior -isso aí, Warrior “mulé”- em nível 10 e UMA maga -é, também uma maga “mulé”- em nível 10). A classe Knight tanto luta com espada quanto magia, mas fica devendo um pouco em cada lado… mas ainda assim eu aconselho a “pendurá-la” no cordão das magas. Ela provavelmente deverá ficar como discípula da Star Mage e mestra da Prism Mage.

Treine sua Star Mage até o level 35 (se estiver com dificuldades para tal leia as dicas sobre Item de Treinamento e sobre Power Leveling). Isso destravará a Prism Mage (usa todas as magias elementais). Use sua Knight (ou Star Mage, caso não tenha “pendurado” a Knight no ramo das magas) para criar uma Prism Mage, ensine as magias elementais para a Knight e/ou para a Star Mage e as que faltarem para as 3ª e 2ª Magas elementais. Agora todos mundo desse grupo tem magias elementais e, exceto a Prism Mage (e/ou a Knight), todas também têm Star Magic.

Treine sua Prism Mage até o level 50 para destravar a última classe de maga: Galaxy Mage. A Galaxy Mage usa tanto magias elementais quanto Star Magic. Acho que você já sabe o que fazer, certo? Passe Star Magic para a Knight e a Prism Mage. Pronto, todo mundo tem magia de todos os tipo e todo mundo está feliz, então acabou, certo? ERRADO!

Treine suas Clériga, Knight (viu porque eu sugeri pendurá-las junto com as magas? Será muito mais fácil treiná-la com a auxílio das magias) e sua Archer até que elas atinjam o level 100 (isso será fácil assim que você atingir um certo ponto do jogo, confira na parte “Dicas de Power Leveling” aqui do post). Isso abrirá a classe Angel. A classe Angel, assim como a classe Knight, luta com espada e magia. A diferença é que as anjinhas são boas com espada (na verdade com todas as armas menos punho e armas de fogo) e com magias. Estão entre as melhores classes humanoides do jogo. Como eu disse, Angels usam magia, mas…

As magias são destravadas (para personagens que as aprendam naturalmente) nessa ordem: magias base (Fire, Ice, Wind, Star), vêm liberadas desde a criação da personagem. Depois são liberadas as magias “Mega” , daí “Giga”, então “Omega” e por fim “Tera”. Só que… As Prism Mage e Galaxy Mage não aprendem por conta própria as magias “Tera” e as Angels só aprendem as magias até “Giga” (aliás, as Angel aprendem naturalmente as magias de cura -até Giga- e Espoir). Então… duas soluções: uma seria ficar transmigrando a galera entre várias classes até aprender todas as magias, a outra é “fechar” o cordão das magas.

Se você quiser mais Angels, vá criando uma como discípula da imediatamente anterior (você pode querer também pendurar uns Majins…). Quando achar que está de bom tamanho, está na hora de botar todo mundo com todas as magias. Como eu só uso Magas, costumo aproveitar a chance pra tirar os Skulls e os Clérigos da penumbra, ainda que temporariamente (e pra poder ter todas as classes destravadas).

Com a Angel (ou com a mais recente delas e, portanto, sem discípulos ou ainda com o Majin, enfim…), crie um Clérigo. Ganhe 30 Mana com ele e crie um de cada dos Skulls. Destrave Star Skull (basta ter cada um dos Skull elementais em nível 5). Agora suba esses 5 fulanos até o nível 100. Você terá todas as magias de cura, ataque e suporte à sua disposição, basta ir passando de discípulo para mestre as magias que faltarem para cada personagem.

Assim, a Flonne (se você incluiu-a no início do macete), a Clériga, as Red, Green, Blue, Star, Prism e Galaxy Mages, bem como a Knight e a Angel terão Fire, Ice, Wind, Star e Cure (até as “Tera-“, no caso de Cure até “Omega-“, já que Cure não tem o nível “Tera-“), além de Espoir, Magic Wall, Shield, Brave Heart e Magic Boost. Se você tiver apenas 1 de cada, você terá nada mais nada menos que 9 personagens (10, se incluir a Flonne) aptas a usar qualquer magia do jogo e duas dessas (a Knight e a Angel) capazes disso e de ainda provocar dano físico. Os Skulls e o Clérigo criados ao final do macete podem ser deletados, se você não quiser mantê-los.

* * * * * *

Melhorando personagens ruins e/ou em nível baixo

Às vezes você se vê obrigado a usar uma certa classe (como Rogue/Thief, que é a única classe que presta para roubar itens) ou quer usar porque gosta dela (meu caso, eu adoro as arqueiras), mas essa classe não é exatamente muito boa em batalha…. ou às vezes é, mas a personagem está em level muito baixo. O que fazer? Três dicas diferentes:

1- Melhore o nível de habilidade com a arma equipada. Quanto mais alguém usa um mesmo tipo de arma em Disgaea, mais habilidoso(a) ele(a) fica com aquele tipo de arma e vai destravando os especiais daquela arma. (exceção: magias, o nível de habilidade com a arma melhora o alcance e a área da magia, mas não faz aprender magias novas… essas são destravadas de acordo com o nível da personagem). Então, ganhar um ataque novo com a arma pode tornar seu personagem mais útil ou ao menos mais fácil de treinar. Para tal, basta mandar o seu personagem atacar um inimigo (ou até um aliado, mas se você matar por acidente -ou de propósito- um aliado, você não poderá ver o final verdadeiro do jogo). Não é necessário matar o oponente, basta o ataque acertar. Então você pode mandar seu personagem fraco atacar imediatamente antes de alguém forte que com certeza vai matar o inimigo ou, fazer o seguinte: antes de usar o Dimensional Gate (mas já com alguém que possa alcançá-lo NO MESMO TURNO) pra descer um andar no mundo dos itens, pegue a galera que precisa melhorar de nível de habilidade com a arma e ataque quem der (sem dar End Turn). Imediatamente após, vá para o o Dimesional Gate e desça de andar.

2- Use especialistas. Em Disgaea, a maioria das armas (ou melhor, de todos os itens) têm bônus em algum atributo (uma bolinha ao lado do atributo indica o bônus). Essa bolinha indica que um “especialista” vive dentro do mundo daquele item. Então, se você quiser melhorar os atributos de alguém, procure por alguns itens fracos que tenham o especialista certo para melhorar a arma em questão (o mesmo vale para armaduras e acessórios). A maioria das armas tem que receber bônus no atributo “Atk” (especialista “Gladiator”), mas armas de fogo devem receber bônus no atributo “Hit” (especialista “Marskman”) e arcos precisam receber bônus nos atributos “Atk” E “Hit”. Achou um item fraquinho que tenha bônus naquele atributo? Vá ao “Item World” dele e vá descendo os andares. Sempre que naquele andar tiver um especialista, o jogo avisará (“Check”). Faça de tudo o que for possível para matar aquele inimigo (que será então subjugado -“Subdued”-). Se você já tiver subjugado o(s) especialista(s) que interessa(m), pode usar uma “Mr. Gency’s Exit” (se tiver) ou ir até o andar 10 (ou 20, ou 30…) e então pedir para retornar ao castelo. Quando você for olhar os status do item, notará que os especialistas subjugados viraram bolinhas laranja (antes eram cinza).

Agora, dentro do Item World, você pode usar a opção de “Move Residents” para passar as bolinhas laranja para outro item ou usar “Combine Residents” para juntar dois (ou mais) especialistas do mesmo tipo em um só (cada arma tem uma capacidade limitada de quantos especialistas pode carregar). Cuidado! Se você mandar combinar um (ou mais) especialista subjugado com outro(s) não subjugados, o resultado será um especialista não-subjugado, que você não poderá mover de arma / armadura / acessório e que talvez tenha level alto demais para você ir encarar no mundo daquele item para tentar subjugá-lo… se necessário, mova todos os especialistas subjugados de um mesmo tipo que você queira combinar para um outro item (que não tenha especialista daquele tipo) e combine-os lá, depois mova de volta para onde você queira. E mais uma coisa: há um  tipo de especialista chamado “Statistician” que dá bônus na experiência que você recebe ao matar um oponente: perfeito para lhe ajudar a aumentar o level de seus personagens mais rapidamente. Se você quiser mais umas dicas para o “Item World”, dê uma olhada nas próximas duas dicas.

3- Suba o personagem de level sem depender dos atributos dele. Todo cenário tem bônus para o caso de você terminar o mapa (matar todos os inimigos, coisa que não é obrigatória no Item World). Os bônus que você receberá dependem de o quanto você tiver enchido a “Bonus Gauge”. Algumas vezes os bônus, ao invés de itens, podem ser dinheiro ou experiência. Se for experiência, basta antes de você dar o golpe final no último inimigo, sacar quem precisa de experiência do painel base e usar seu personagem forte para matar o último oponente (ou começar a a reação em cadeia dos GeoPanels, dependendo do caso…). Outro método (mais útil para personagens com nível extremamente baixo) é fazê-lo participar em um “Team Attack” com um personagem forte o suficiente para matar o inimigo-alvo. Dessa forma, ele receberá parte da experiência, mesmo tirando 0 de dano ou errando o ataque, basta que o personagem mais forte mate o oponente durante o “Team Attack” que tudo estará bem. Usar “Statisticians” torna esse método mais eficiente ainda.

* * * * * *

Itens e Equipamentos

Pela ordem lógica das coisas, agora deveriam vir as dicas sobre Item World, mas existem outras coisas que podem ser interessantes de você saber ou fazer antes de ler essas dicas, então comecemos falando sobre itens e alguns atibutos deles que confundem a galera.

Como já houve mais de uma pergunta (nos comentários) envolvendo itens e equipamentos, acho que vou dar uma palhinha que pode acabar “iluminando” quem está perdido. Todo item tem três números intimamente ligados a ele: Rank, Rarity e Level.

O Rank de um item define o quão bom ele é (uma espada Rank 10 é melhor que uma Rank 6), mas é transparente ao jogador, ou seja, você não pode checar in-game qual é o Rank do seu item (para uma lista completa de Itens, Ranks e atributos dos itens do jogo, visite o seguinte FAQ: http://www.gamefaqs.com/ps2/589678-disgaea-hour-of-darkness/faqs/25989 . A seção 16 “Item List” é a parte que lhe interessará para tal. O FAQ é Inglês, mas a listagem/tabela de itens dispensa que você conheça o idioma. O Rank do Itens na listagem está imediatamente à esquerda do nome do item). O Rank dos itens varia de 1 a 41 (mas os itens de Rank 41 são poucos e podem ser considerados “especiais”. A maioria dos itens só vai até Rank 40 e nem todos os tipos de itens têm um representante em todos os Ranks. Por exemplo, a melhor Orb do jogo é Rank 39 e a 2º melhor é Rank 35, não existem Orbs Rank 36, 37, 38, ou 40). Não se pode alterar o Rank de um Item.

Rarity é um número escolhido aleatoriamente pelo jogo no momento da “criação” do item (ou seja, no momento em que ele aparece no Shop, como prêmio na Bonus gauge ou equipado em algum inimigo). Dependendo do número de raridade, o item pode ser “normal” (Rarity entre 33-255), “Rare” (Rarity entre 8-32) cujo nome pisca em prateado ou “Legendary” (Rarity entre 0-7) cujo nome pisca em dourado. Cópias “Rare” do mesmo item costumam ter mais slots para especialistas e serem um pouco melhores que as normais. O mesmo se aplica às cópias “Legendary” em relação às “Rare” e às “normais”. Além disso, se você equipa mais de um item COM O MESMO NÚMERO DE RARITY num personagem, você ganha +10% (a partir do segundo item) de bônus nos status que aqueles itens melhoram. Equipando-se 4 item com exatamente a mesma Rarity num personagem,você consegue um bônus de 30%, então. Você também não pode alterar a Rarity de um item.

Level – O level de um item varia de acordo com o quanto você já venceu do “Item World” dele (“venceu” por atingir o portal para o próximo andar ou derrotando todos os inimigos daquele andar, tanto faz). Com exceção de alguns itens especiais (que você já recebe em level 100 e não pode mais melhorar), os itens começam em level 0. Itens “normais” podem ser levados até o level 30. Itens raros até o 60. Itens lendários até o 100 (isso mesmo, esse normal, raro ou lendário diz respeito ao número de Rarity dele, de acordo com o que está no parágrafo anterior). Cada andar vencido no Item World de um dado item melhora um pouco o item (você literalmente faz um “level up” no item).

Pela lógica, então, para se conseguir um Item “porreta”, você deve buscar um item de Rank alto, com número de Rarity baixo (pra ele ser raro ou lendário) e aumentar o level dele o máximo que der. Ficar subindo itens muito fraquinhos (de Rank baixo) até level 100 (ou 60) só porque ele é raro ou lendário só vale a pena se você estiver usando isso para treinar personagens fracos (embora você possa usar as “Dicas de Power Leveling” contidas neste post para o mesmo fim). Para conseguir bons itens mesmo, só vale a pena “treinar” os itens que já sejam razoavelmente bons (Rank alto) por natureza.

Se você quiser melhorar ainda mais os itens que você está subindo de Level, vai mais uma dica:

A cada 10 andares do Item World, você encontrará um inimigo “especial” num cenário mais ou menos peculiar (a música de fundo também é diferente). Esse inimigo pode ser um Item General, Item King, Item God ou Item God 2 (este último apenas aparece no andar B100 de itens lendários de Rank 40). Matando um desses sujeitos, independente de se você vai completar o andar matando os demais inimigos ou se vai tentar alcançar o portal, você vai ganhar um bônus nos status para o qual há especialistas naquele item. E tanto faz se esses especialistas foram ou não subjugados e nem se eles vieram com o item ou se você os transferiu de outros itens para este. E este bônus é dado PARA CADA ESPECIALISTA/RESIDENTE (são sinônimos esses nomes), independente do level dele. Ou seja, dois Gladiator level 2 cada, vão garantir mais bônus ao matar um Item General/God/King que um Gladiator level 100. Essa, no entanto, é a única vantagem (se ambos os especialistas estiverem subjugados) em não se fundir dois especialistas iguais. Em via de regra juntar vários especialistas idênticos em um único é mais vantajoso, mas se você planeja ganhar esse bônus em específico, só funda os especialistas quando for necessários por falta de slots no item.

Resumindo: Para garantir esse bônus, entupa o item que vai subir de level com vários especialistas correspondentes ao atributo que você deseja aumentar (Gladiator para bônus em Atk, Marskman para Hit, etc.), vá para o item World e a cada andar múltiplo de 10 (10, 20, 30, etc.) certifique-se de matar o Item General/King/God antes de passar pro próximo andar ou retornar ao castelo. Depois que você puser o item no level que você quer, você é livre para fazer o que quiser com os especialistas que transferiu para ganhar os bônus: devolvê-los para os itens de onde vieram, deixá-los por lá mesmo, fundi-los num especialista só de nível alto…

Matar, num dado item, um Item King ou God aumenta em +1 a capacidade de especialistas que aquele item pode carregar.

Para se conseguir “armas para humanóides” (espadas, machados, lanças…) de Rank alto (até se conseguir uma arma lendária de Rank 40) você deve: primeiramente, por sorte, conseguir uma arma lendária do mesmo tipo (preferencialmente de Rank já alto). Ir ao Item World do item e vá “descendo” do jeito que preferir até chegar no andar B99. NÃO DESÇA PARA O B100. Saia (usando uma Mr. Gency’s Exit). Salve. Volte ao mundo do Item em questão e desça para o B100. O Item God 2 de lá estará de posse de uma arma do mesmo tipo da que você “está dentro”, mas 1 Rank acima e também lendária. Então, se você estiver, por exemplo, numa “Diabolic Sword” lendária (Rank 31), o Item God 2 estará com uma “Crusade” lendária (Rank 32) equipada. Basta roubar dele.

Para conseguir uma arma lendária para começar essa “escalada”, a melhor maneira é zanzar no Item World de itens (normais, raros ou mesmo lendários) até uma arma lendária de Rank alto e do mesmo tipo (espada, lança…) que você quer aparecer na Bonus Gauge ou equipada em algum inimigo. Dê um jeito de ganhá-la ou roubá-la quando isso ocorrer.

No caso específico de espadas, se você já estiver em nível bem alto, você pode revisitar o mapa do “Beauty of Evil” onde você enfrentou a Marjoly até que o Majin que vem com uma Amano Hahakiri equipada a tenha como lendária (o número de raridade dela é aleatório). Roube dele quando isso ocorrer. No B100 da Amano Hahakiri o Item God 2 terá uma Cosmic Blade lendária. No B100 desta, o Item God 2 estará com uma Yoshitsuna lendária (a melhor espada do jogo). A Amano Hahkiri é uma espada Rank 38, a Cosmic Blade é 39 e a Yoshitsuna, Rank 40.

LEMBRE-SE: essa “escalada” só funciona com armas para humanoides. Mas visitar o Item World de itens de Rank alto pode lhe render… mais itens de Rank alto! (e diferentes do original, ou seja, uma visita a uma espada pode te render uma lança, uma armadura, uma orb…)

* * * * * *

Um pouco sobre o Mundo dos Itens

O Mundo dos Itens ou “Item World” já foi citado anteriormente no post. Mas o que ele é? Basicamente uma sequência de andares gerados aleatoriamente pelo jogo e que serve como desafio extra do jogo. Você pode usar o Item World para (primariamente) subir de level com o item em questão (que não pode estar equipado em ninguém e deve estar na sua Item Bag). Mas (secundariamente) ele pode servir para você treinar seus personagens, conseguir mais (e melhores) itens e até mesmo destravar um dos finais do jogo.

Para você “vencer” ou “passar” de andar no Item World você tem duas alternativas: ou derrota todos os oponentes daquele andar ou alcança um painel especial -o “Dimension Gate”- e desce (sim, no Item World todos os andares são considerados “Basement”, ou seja, algo como “porões” ou “sobsolos” e você vai descendo mais e mais fundo no Item conforme avança). Na prática, não existe diferença entre você detonar todo mundo ou usr o portal para passar de andar. Escolha a opção que lhe parecer melhor/mais rápida.

O grande “desafio” do Item World é que, salvo usando um Item específico -a “Mr. Gency’s Exit”- só é possível sair do Item World nos andares múltiplos de 10 (10, 20, 30…) e a cada andar os inimigos vão ficando um pouco mais fortes (vão aparecendo inimigos de nível mais alto). Então você tem que estar preparado para enfrentar no mínimo 10 andares sem poder ir ao Hospital, ao mesmo tempo em está pronto para enfrentar inimigos (bem) mais fortes que o level de referência apresentando antes de se entrar no Item World. De preferência, você deve estar com uma Mr. Gency’s Exit na sua Item Bag. Também é recomendável você ter alguma(s) “Hand” (Stealing Hand, Plunder Hand…) pois existe a chance de inimigos terem itens interessantes de serem roubados.

Também costuma ser razoavelmente fácil se usar os GeoPanels para se conseguir os (ou alguns dos) itens listados na Bonus List dos andares. Para saber mais sobre GeoPanels leia a dica sobre eles mais abaixo aqui no post.

Para ir ao Item World de um determinado item, ponha-o na sua Item Bag e fale com a Red Mage que fica perto da Clériga que toma conta do portal no castelo. Escolha a opção “Go to the Item World” e então escolha o item que você deseja melhorar. Na parte de baixo da tela será mostrado qual o level MAIS BAIXO dos inimigos que habitam o item. Se ele não for muito abaixo do nível do seu grupo, se prepare para enfrentar gente mais forte que você no Item World.

Vamos à primeira dica, em si, sobre o Item World:

É possível se aventurar no mundo dos itens mesmo que seu grupo esteja em level baixo. Leve uma “Mr. Gency’s Exit” para uma emergência ou, na pior das hipóteses, salve antes de ir para o mundo do item para não perder seu progresso atual. Você não é obrigado a matar todos os inimigos de cada andar, basta usar o “Dimensional Gate” para ir descendo e exatamente isso te permite visitar andares com gente mais forte que você. Para poder usar o Dimension Gate se maiores sustos, tenha sempre um personagem que disponha de um especial capaz de deslocar o oponente (para retirar um “Gate Keeper” que possa estar sobre o portal) e use Lift/Throw com seus personagens.

Às vezes pode ser necessário fazer uma enorme “escada humana” com 5, 6 ou mais de seus personagens e ir arremessando-os para alcançar o portal. Mas às vezes o portal pode estar inalcançável (em cima de uma coluna muito alta, por exemplo). Nesse caso, derrote todos os inimigos desse andar ou use uma Mr. Gency’s Exit ou resete o jogo (se você não tiver uma Mr. Gency’s Exit, nem condições de derrotar todos os oponentes…).

No 10º andar do item (e no 20º, 30º…) haverá um inimigo “Item General” (em alguns andares poderá ser o Item King, como no 30º andar, por exemplo, e nos itens “Legend” haverá um Item God no 100º andar). Se possível, mate esse inimigo e o item ganhará bônus nos atributos onde houver um especialista (se você matar um Item King ou God o item ganahará ainda um slot adicional para comportar um especialista). No 10º andar (e no 20º, 30º…) você será perguntado se quer retornar ao castelo ou continuar. Quando sair do mundo daquele item, o tem estará em nível mais alto e mais forte. Além disso, se você tiver subjugado algum especialista, poderá movê-lo para outro item.

* * * * * *

Criando um Personagem Explorador para o Mundo dos Itens

Se você tentou a dica anterior, deve ter percebido que muitas vezes calcular as distâncias para fazer Lift/Throw demora um bocado (além de ser sacal, dependendo da configuração do cenário). Em alguns casos talvez seja até impossível você alcançar o Dimensional Gate em 1 único turno usando apenas Lift/Throw. Em muito cenários seria mais fácil e mais rápido se você tivesse um personagem capaz de andar uma distância razoavelmente grande, que não se incomodasse com os (leia-se: fosse facilmente morto pelos) inimigos. Muitas vezes usar um único personagem pra fazer um Throw longo e cobrir o resto do caminho a pé é uma excelente solução, mas nem sempre seus personagens sobreviveriam muitos andares assim, mesmo que os inimigos estejam em nível ligeiramente abaixo do seu (afinal, pode haver 2, 3 ou mais inimigos perto do Dimensional Gate) então… o que fazer?

O ideal é criar um personagem que seja capaz de aguentar o tranco, se virar sozinho na maioria dos casos e ainda ter como lidar com os Gatekeepers. Seria um trabalho hercúleo criar um personagem assim não fosse o jogo ter uma classe praticamente pronta para tal missão: os Ninjas. Para destravar a classe Ninja, você teve ter, simultaneamente, um Warrior e um Brawler homens em nível 10. Ninjas têm uma velocidade enorme e alta taxa de evasão (inclusive para magias… e inclusive para as de cura, usadas por aliados!!!), o que faz dele uma ótima classe para “sobrevivência”. Além disso, Ninjas têm um “S” em compatibilidade com armas tipo “punho”, o que as torna uma ótima escolha para eles e os permitem remover os Gatekeepers de cima dos Dimesional Gates (bom, ao menos sempre que o cenário permitir). Quer mais? Ninjas têm um número alto de contra-ataques, então se os inimigos tentarem cercar seu Ninja e atacarem, você corre o sério risco de ver se Ninja desviar de todos os ataques a ainda dar um ou dois contra-golpes nos adversários.

Ninjas são os mais recomendados para serem “exploradores dos mundos dos itens”, mas uma forcinha do jogador ajuda. Que tal uma sintonia fina para deixar seu Ninja tinindo para enfrentar o Item World?

Primeiramente arrume o melhor par de calçados possível para ele. Quanto mais capacidade de Move e de Jump ele tiver, melhor: afinal o Item World gera andares aleatoriamente e nunca se sabe quando você terá que pular/subir ou contornar obstáculos.

Seu Ninja já esquiva naturalmente de uma porção de ataques, mas que tal fazer ele desviar de mais ataques / especiais / magias ainda? Sempre que possível, adicione mais “Coach” em algum equipamento do Ninja: use a opção de Combine Residents pra criar um Coach de alto nível (sempre usando Coachs subjugados) e passe a frente (para o novo equip. do Ninja) quando precisar atualizar o equipamento do seu Ninja.

Seu Ninja pode ser muito hábil em desviar de ataques, mas de vez em quando, algum passa, então procure aumentar HP, Res e Def -nessa ordem de preferência- dele (com, respectivamente, os especialistas Dietician, Physician e Sentry).

Se você estiver gostando do seu Ninja-explorador eu ainda recomendo subir o Hit (usando Marksman) e o Atk (com Gladiator) dele: Hit será útil para quando outros Ninjas começarem a aparecer no item World (se seu Speed estiver bom, você vai desviar dos ataques deles, mas seus (contra-)ataques acertarão o ninja inimigo) e Atk por razões óbvias, não adianta seu Ninja se mover muito e não morrer facilmente (por esquivar dos ataques) se ele não conseguir matar os oponentes, senão vai haver uma hora que ele ficará cercado de inimigos sem poder se mexer.

Proteção contra Bad Status também são bem vindas, especialmente Pharmacists para combater Poison: não adianta nada seu Ninja esquivar de vários ataques, mas de repente um que passe seja um que cause poison (especialmente o maldito especial de arco Poison Arrow)… do dano causado pelo veneno seu Ninja não tem como escapar. Claro, essas melhorias são para ser feitas ao longo da da carreira -e continuamente- do seu Ninja-explorador, não sendo pré-requisito para que ele possa começar a se aventurar pelo Item World.

Você pode ainda, querer que seu Ninja tenha a chance de CAUSAR algum Bad Status nos inimigos. Para tal, basta acrescentar o especialista certo à arma do Ninja (quanto mais alto o nível do especialista, maior a chance). Os Status que eu mais gosto de causar são Sleep/Forget (Hypnotist/Amnesiac, respectivamente) e depois Paralyze (Witch Doctor). Sleep deixa o inimigo dormindo e ele não vai encher o saco por algum tempo (alvo fácil! XD), Forget deixa os inimigos sem poder usar especiais e como o Ninja desvia com muita facilidade (e ainda dá counter) em ataques normais, então eles empatam em primeiro no quesito “utilidade”. Depois, Paralyze: prender o oponente no chão tem suas vantagens, mas se este tiver ataques de longo alcance, nem tanto… mas ainda é bem útil já que o Ninja tem um Move bem grande e sai rápido do alcance de ataques “long range”. Deprave (especialista Gangster) é inútil de se causar num inimigo (ou você vê muitos inimigos subindo de level em batalha?). Poison (especialista Alchemist) pode parecer uma escolha óbvia e ótima, mas eu discordo: às vezes um especialista ruim de alcançar (mas ainda possível) ou uma estratégia para limpar todos os GeoPanels do andar e faturar os bônus podem demandar que algum inimigo sobreviva até que você complete o feito, mas se você envenenar exatamente aquele “último dos moicanos”, ele pode acabar morrendo prematuramente, é adeus sua estratégia, seja lá qual ela fosse…

Os Ninjas são bons e tudo o mais, mas bom senso e um pouco de estratégia por parte do jogador podem evitar sustos. Primeiro: a curva de nível de Disgaea é absurda: eu diria que se fosse posta em forma de gráfico pareceria com uma função exponencial (se é que você me entende)… então não adianta seu Ninja estar bombadão, mas você entrar num Item World que vá ter ao longo do caminho muitos inimigos de nível razoavelmente mais alto que o dele: mesmo que seu Ninja vá se sair melhor contra tais oponentes que a média dos seus personagens, cada ataque não esquivado vai causar muito dano e seu Ninja não irá longe e, como magias de cura serão esquivadas quase sempre… fique atento para não superestimar seu Ninja.

Outra: o que determina a chance de acerto de um ataque são o Hit do atacante e a Speed de quem recebe o ataque, então os inimigos com mais chances são aqueles com alto Hit por natureza (como a família das Nekomata ou Archers equipando Bow ou Gun) devem ser eliminados primeiros ou evitados. Aliás, personagens equipando Bow são os maiores adversários de seu Ninja-explorador: Poison Arrow além de ser especial (mais chance de acertar que ataque comum), é um especial de Bow (que sempre dá bônus no Hit do personagem que está empunhando), é o PRIMEIRO especial de Bow (então um bom número de adversários empunhando Arco terá esse ataque à disposição deles) e ainda por cima pode provocar poison (dano “não-esquivável” por alguns turnos). Se os inimigos estiverem em nível mais alto que seu Ninja (especialmente se a diferença for sensível), não banque o Rambo, desloque os inimigos de lugar com os especiais se necessário (você equipou armar tipo “punho” no seu Ninja, certo?) e use a mobilidade dele para, ao mesmo tempo, abrir distância dos oponentes e chegar logo ao Dimensional Gate.

Mas e quando levar dano? Nem sempre será possível esquivar de todos os ataques e ao longo do Item World seu Ninja poderá precisar de uma cura (bom… nem sempre…), mas, em via de regra, se você sacar alguém com magia de cura e for tentar usar, vai errar dez vezes antes de acertar uma… existem duas soluções a serem adotadas e uma não exclui a outra (ou seja, você pode ter ambas preparadas).

Primeira: ITENS – sempre tenha um ou dois Fairy Dust (remove qualquer Bad Status) na sua Item Bag, bem como alguns itens capaz de encher ou quase ou totalmente o HP do seu Ninja. Itens não são esquiváveis e mesmo que não haja ninguém por perto para usar no seu Ninja, você pode “queimar” um turno dele mesmo para se recuperar (exceto que ele esteja sofrendo do status Sleep).

A segunda solução é simples também: pegue um(a) personagem com capacidade de cura e ENTUPA de Marksman e Coach. Por algum motivo eu achei que minha taxa de acerto de magia melhorou mais ainda depois que eu subi a Spd da personagem que eu usava pra curar (ou ao menos tentar curar) o Ninja. Nas batalhas mais recentes, tenho tido uma taxa de acerto de mais ou menos três curas conseguidas de cada quatro tentadas. Como a personagem que eu uso é uma Cleric, melhorar a Spd dela ainda me foi útil por outro motivo, como eu preciso dela no campo de batalha pra poder curar o Ninja, ela acaba se expondo mais aos inimigos, mas com a Spd extra vez ou outra ela esquiva de um ataque. Fora que ela é uma das minhas super-magas (veja a dica dos magos multi-elementais ou a dica para treinamento da Flonne para saber mais), então depois de curar o Ninja ela em geral se vira muito bem em dar cabo dos inimigos que resolvem ir atrás dela.

* * * * * *

Explorando o “Item Wold” de itens de rank alto

Algumas vezes no meio do jogo, a coisa pode se tornar uma pouco “desemocionante”, chata… você está em level alto demais para seu atual “desafio”, mas está em nível baixo para passar para o próximo… e ficar fazendo grinding às vezes cansa. Então… que tal um pequeno DESAFIO? Que tal tentar explorar um Item de rank alto (“alto” para o que seus personagens aguentam)? Não digo você partir para um item impossível e acabar morto, mas sim entrar em um Item difícil e ir até onde der… e no processo conseguir alguma(s) vantagem(ns)…

O que pode ser ganho visitando O Item Wold de um Item de Rank alto com um “time” relativamente fraco?

Primeiramente (e mais óbvio) – Subir o nível do item. Dependendo do que está te motivando a explorar um item de Rank alto (para o level dos seus personagens), isso por si só pode bastar. Pode ser o empurrãozinho (uma arma melhor, uma armadura melhor…) que faltava para você desempacar de uma luta particularmente difícil do jogo…

“Segundamente” (mas não menos importante) – Conseguir outros itens de Rank alto (isso já é um pouco mais difícil e depende de um pouco de sorte, mas é o maior motivo de esta dica estar sendo escrita…). Com mais itens bons, seus personagens conseguem render mais que o level deles a princípio permitiria. Além disso, você também poderá explorar (talvez apenas os primeiros andares…) o Item World desses itens. Com um pouco de sorte, em pouco tempo alguns dos seus personagens estarão mais poderosos sem fazer grinding (como o item World é aleatório, cada cenário é uma surpresa para o jogador e o processo acaba não sendo tão repetitivo, nem chato…).

“Terceiramente” – Com um pouco mais de sorte (ou menos sorte, dependendo do ponto de vista), você pode conseguir quantias astronômicas (para o seu atual padrão) de Hell (dinheiro) ou experiência (e, consequentemente, ganhando níveis com alguns personagens).

Por que separar as três vantagens? Porque elas exigem preparações distintas e (parcialmente) cumulativas. O que você fizer para se preparar para a 1ª “recompensa”, se não for necessário, será no mínimo útil para conseguir a 2ª… Comecemos, por partes, então…

Se você quer “apenas” subir o nível/level do seu item já forte, as preparações são poucas e simples.

– 1 (ou mais) Mr. Gency’s Exit;
– 1 ou mais personagens que usem “Fist” como arma e, preferencialmente (não é obrigatório), já com “Rising Dragon” aprendido;
– Um punhado de personagens capazes de fazer Throw a 6 ou 5 painéis de distância;
– NUNCA, JAMAIS sacar todos os 10 personagens (que você tem direito de usar). Sempre deixe um “na manga” para poder usar a Mr. Gency’s Exit numa emergência…
– Opcional: Alguns itens para recuperar SP ou HP e SP.

Aplicando: Apenas para subir o item de level, não tem mistério e já, inclusive, está escrito na dica Um pouco sobre o Mundo dos Itens (leitura sugerida). Use Lift+Throw para jogar algum personagem no “Dimension Gate”. Se tiver um Gate Keeper plantado no portal, o personagem deve ser atirado num painel adjacente (“do lado”) ao painel do Dimensional e deve ser alguém que luta com punho: use algum especial que desloque o oponente (Triple Strike, King of Beasts, Rising Dragon…) para deslocar o inimigo e então, mover-se para o portal (o especial Rising Dragon foi sugerido como referência por ser o único que move o adversário para trás do personagem atacante, como o Item World é aleatório, em algumas situações vai ser a única saída). Basta ir repetindo esse processo andar-após-andar até você chegar numa situação onde não seja possível alcançar o portal, não seja possível deslocar o Gate Keeper ou seu personagem que usa “Fist” como arma não tenha mais SP pra usar os especiais (ou se você cair num cenário todo coberto com “No Lifting”…). Quando isso ocorrer, use a Mr. Gency’s Exit para sair do Item World. Se você não quiser perder os bônus por matar o Item General/King/God, você pode sair por vontade própria no andar B9 (ou B19, B29…), caso seus personagens estejam fracos demais para matar os adversários. Fazendo assim você pode se aventurar literalmente em qualquer item de Rank alto. Se você saiu do item por ter se achado “numa sinuca de bico”, você pode se curar, pegar uma nova Mr. Gency’s Exit e reentrar no item… como o andar é gerado aleatoriamente, ele estará mudado quando você retornar.

Se além de simplesmente melhorar o item, você quer tentar também colher uns itens de Rank alto novos, nós vamos precisar de mais umas coisas… Mas antes: a melhor maneira de se conseguir itens novos de modo relativamente fácil é roubando-os de algum inimigo que venha com ele equipado (a outra maneira será discutida na 3ª parte da dica… para o caso de você querer também ganhar $$ e XP). Então, pensando na parte de “roubar” o item, você (além de fazer os preparativos já mencionados mais acima), vai precisar também de:

– Ao menos 1 personagem da família dos Rogues (pelo menos 2 deles é recomendado) devidamente bem treinado. Eu sei que é meio estranho treinar um personagem para usar uma dica que tem como um dos objetivos amenizar a necessidade (ao menos temporariamente) de treinar os personagens, mas a diferença de level entre o personagem que tenta o roubo e o alvo do roubo influencia a taxa de sucesso, então se seu(s) Rogue(s) estiver(em) muito abaixo dos inimigos, você não vai conseguir nada e ainda vai deixá-lo(s) exposto(s) à toa: algo ruim visto que Rogues têm péssima defesa.

– Itens do tipo “Hand”: procure comprar algumas cópias das melhores que estiverem disponíveis para vender. De preferência algumas que já venham com Marskman. Suba as luvas de level (level 10, no mínimo). Se você tiver alguns Marksman que você aceite “sacrificar” em troca de melhor chance para roubar um item realmente bom, concentre esses Marksman numa luva em particular.

Aplicando: Também não tem muito mistério. A cada novo andar no Item World, dê uma checada nos inimigos e veja se algum deles tem itens que valham à pena o risco. Localizado o alvo, bole uma estratégia que lhe permita chegar com 1 ou 2 ladrões a uma distância suficiente do inimigo para que você possa tentar o roubo. Em caso de falha, você pode tentar sair de perto do inimigo para tentar encerrar o turno e tentar novamente no próximo ou pode desistir do item, passando para o andar seguinte (ou saindo do Item via Mr Gency’s Exit). Em caso de sucesso, as coisas não mudam muito: tente o seu melhor para descer do andar no mesmo turno ou, caso seja isso inviável, tire seus Rogues do alcance dos inimigos (ou ainda, se o item for bom mesmo, saia com uma Mr. Gency’s Exit e SALVE seu jogo). Se houver mais de um item bom a ser roubado no mesmo andar, não tem muito jeito, você terá que tentar o roubo e fugir (no mesmo turno) com o Rogue ou usar outro(s) personagem(ns) para atirá-lo de volta ao painel-base e deixar esse(s) personagem(ns) como “sacrifício”. Enquanto você tiver ao menos 1 personagem “sobrando” que possa usar uma Mr. Gency’s Exit, você ainda estará a salvo…

Se você quer ter mais chances, ainda, de conseguir bons itens e, de quebra, quem sabe descolar XP e dinheiro “de graça”, há como fazer sem ter que enfrentar diretamente os inimigos, porém você terá que contar com a sorte e não poderá estar desnivelado em excesso em relação aos oponentes. Contar com a sorte porque você irá usar os GeoPanel e GeoSymbols para tal. Se você ainda não sacou: você usará a reação em cadeia descrita na dica Algumas Explicações sobre GeoPanels para poder conseguir seu $$, XP e itens. A sorte entra aqui no fato de que nem sempre os GeoPanel e GeoSymbols vão vir favoráveis a você (alguns andares nem os têm). Quando eles vierem e puderem ser arrumados (e o 1º deles destruído) em um único turno (ou se os inimigos não forem te alcançar dentro do tempo que você precisa para arrumá-los) é que você vai poder aproveitar essa dica. Então você precisa da sorte para que eles venham favoráveis, para que os itens que você ganha na Bonus Gauge sejam bons (e é daqui que pode vir dinheiro e XP, que também aparecem na lista de itens ganhos por encher a Bonus Gauge), vai precisar também que a reação em cadeia provocada pela destruição dos GeoSymbols seja longa o suficiente para encher a Bonus Gauge e, por fim, vai precisar de sorte para que a reação em cadeia (ou a explosão final) mate todos os inimigos. Pode parecer muito difícil, mas é bastante comum (o suficiente para valer a pena ficar de olho e ver se é possível). Se você quiser tentar essa parte da dica, não há pré-requisitos obrigatórios extras (só os das partes anteriores dessa dica), mas eu fortemente recomendo:

– Trazer algumas Mages (ou Skulls) capazes de usar magias de vários elementos (a dica Magos Multi-elementais talvez possa lhe ser útil).

– Personagens que tenham especiais elementais e que, de preferência, ataquem de longe (magos são preferidos a estes, no entanto).

Explicando: Por quê magos? Todo GeoSymbol tem uma fraqueza elemental. Se você está num item de rank alto, os GeoSymbols vão ter parâmetros (Def, Res) altos, esse é também o motivo pelo qual você não pode estar desnivelado demais… se a Def e Res do GeoSymbol forem altas demais você não conseguirá dar dano o suficiente nele. Usar o elemento contra o qual ele é fraco, melhora sua situação. Como a dica é voltada para quem não tem um grupo assim, bem preparado para lidar com os inimigos do Item World desses itens, “matar” o primeiro GeoSymbol (para poder dar início à reação em cadeia) pode ser um desafio tão difícil quanto arrumá-los num cenário cheio de inimigos que podem te vaporizar com poucos ataques. Magos, apesar de facilmente aniquilados se forem atacados por um inimigo, têm a vantagem de conseguirem atacar de longe (especialmente se o nível de proficiência dele com cajados já estiver bem alto) e magias podem ser usadas para atingir uma área, não apenas um ponto (o que lhe rende uma certa flexibilidade na hora de posicionar o mago no cenário). Especiais que dependam de armas, sejam elementais e peguem de longe são poucos e exigem um posicionamento exato do personagem atacante em relação ao inimigo, sendo mais inconvenientes de serem usados que magias, mas se você tiver alguém apto a tal e ele/ela for ser útil, você pode usar também, claro.

Aplicando: Simples, a cada novo andar cheque os Symbols, os GeoPanel e os EFEITOS dos Symbols. Alguns efeitos podem ser ruins para seus personagens (como “Clone” ou Boosts para os inimigos ou o famigerado “Ally Damage”) ou podem ser complicadores para você conseguir realizar a reação em cadeia (como “Invincibility”, “No Lifting” ou “No Color Change”)… se for o caso de fatores complicadores, cheque a dica Algumas Explicações sobre GeoPanels para ver como contorná-los. Cheque também a lista de itens que você ganhará se encher a Bonus Gauge. Se só tiver “lixo” lá, você não precisa quebrar a cabeça vendo se os Symbols e GeoPanels estão “favoráveis” a serem destruídos. Por fim, mas não menos importante, lembre-se de checar se algum inimigo está usando algum item que mereça ser roubado. Você estar tentando a reação em cadeia não te impede de afanar um item bom antes… Agora posicione seu melhores personagens (que se você se preparou adequadamente, vão incluir alguns magos), tente deixá-los (ao mesmo tempo) em posição de atacar o Symbol e FORA DOS PAINÉIS COLORIDOS (assim eles escaparão da reação em cadeia) e mais, caso haja XP no meio dos bônus, saque personagens de nível baixo (ou aqueles que você quer que recebam XP) e deixe-os em algum canto (também fora dos painéis coloridos e portanto à salvo da reação em cadeia). Agora destrua o 1º Symbol e assista. Se tudo der certo, a reação em cadeia mais a explosão vai eliminar todos os GeoPanels vai dizimar os oponentes, sua Bonus Gauge vai encher toda e você vai colher todos os Itens, XP e $$ que houver na lista de bônus.

Eu já consegui uma Cosmic Blade -2ª melhor espada do jogo- “na sorte”, com uma pequena ajuda do meu Rogue (ela veio equipada num CLÉRIGO!), usando essa dica.

EXTRA 1: Há um segundo método de começar a reação em cadeia: depois de posicionados todos os Symbols, jogue um inimigo no Symbol que você escolheu para começar a reação. Fazendo assim, mesmo que seus personagens não tenham condições de destruir o Symbol, você vai conseguir dar início à reação em cadeia. Isso pode dar a falsa impressão que é dispensável ter personagens capazes de destruir os Symbols… e em teoria até é, mas às vezes o Symbol a ser destruído pode estar fora do alcance de Lift/Throw de quem te sobrou vivo, mas ao alcance de magias… e mais: usar um inimigo para destruir o Symbo requer que o inimigo esteja numa posição conveniente para tal… o que nem sempre será fácil de obter, sendo MUITO mais fácil posicionar seus personagens de acordo com seus interesses, em regra, que fazer o inimigo parar onde você quer para que você possa atirá-lo. Não que seja impossível atrair o inimigo para um posição certa, especialmente usando alguém como isca/sacrifício, mas ainda assim é mais fácil posicionar seu próprios personagens…

EXTRA 2: Desnecessário dizer, mas vou lembrar mesmo assim: você pode sempre contar com um (e somente 1) “re-sorteio” dos GeoPanel para cada andar. Basta usar a habilidade GeoChange dos Scouts. Só funciona 1 vez em cada andar. Então pense bem antes de usar, pois uma arrumação “difícil” pode ser trocada por uma “impossível” ou por “não há mais  GeoPanel/GeoSymbols” nesse andar. A habilidade custa uns bons SP’s (dependendo do seu nível, pode ser muito ou não…) então tenha sempre alguns itens que restaurem SP na sua Item Bag.

NOTA: Uma estratégia interessante caso seus personagens estejam “no limite”, mas ainda conseguindo dar dano (considerável) nos oponentes e se você quiser explorar mais o Item World daquele item, mas sem perder o bônus por matar um Item General/King é: Vá até o andar imediatamente anterior ao andar do Item General/King (B9, B19, B29…) normalmente, cheque se ninguém tem nada interessante pra roubar (se tiver, pode tentar a sorte…) e SAIA do item (via Mr. Gency’s Exit). Se cure, salve (pegue outra Mr. Gency’s…) e retorne (aproveite para checar novamente se há alguém com coisa boa pra roubar), passe para o próximo andar e parta com tudo pra cima do Item General/King (antes cheque se vale a pena roubar algo dele!). Depois de derrotá-lo, saia do andar (via portal ou matando os demais inimigos) e peça pra retornar ao Castelo. Você poderá (novamente) se curar e salvar (e sem gastar suas Mr Gency’s Exits). Agora você tem mais 9 andares com potencial de serem explorados (antes de você encarar outra vez a história de matar ou não o Item General/King…) e nesses andares haverá mais inimigos (e mais fortes) pra você treinar, mais chance de oponentes terem itens (mais fortes ainda) para serem roubados ou de itens bons (além de $$ e XP) constarem nas Bonus Lists que você pode tentar faturar com a ajuda dos GeoPanels e GeoSymbols.

* * * * * *

Algumas Explicações sobre GeoPanels

Alguns cenários (especialmente no Item World) têm alguns quadrados do chão coloridos (“Geo Panels”) e, se em algum desses estiver uma pequena Pirâmide (“Geo Symbol”), o efeito que o symbol provocar (“Geo Effect”), será sentido em todos os painéis da mesma cor que o painel onde symbol estiver (seja o efeito bom ou ruim e ele vale, a princípio para inimigos e aliados que estejam sobre esses painéis coloridos). Não é a cor do symbol que importa, mas sim as cor do painel onde ele está.

Se o símbolo e o painel tiverem cores diferentes e você destruir o símbolo, todos os painéis daquela cor mudarão para a cor do símbolo. Quaisquer personagens -aliados ou inimigos- em cima desses painéis sofrerão dano e se outro(s) símbolo(s) forem destruídos no processo, ocorrerá uma reação em cadeia: depois de terminar de mudar para a cor do primeiro símbolo destruído, os painéis passarão a mudar para a cor do segundo símbolo e depois do terceiro e assim por diante. Se houve um símbolo transparente (chamado “Null”), ele removerá as cores dos painéis (que tiverem a mesma cor do painel onde ele está) quando destruído. Isso pode ter utilidades mil, mas a mais interessante e imediata é que se todo os painéis coloridos, ao final da reação em cadeia, tiverem tido suas cores removidas e nenhum painel colorido, portanto, sobrar no cenário, ocorrerá uma explosão que casará dano SOMENTE AOS INIMIGOS. Não bastasse isso, essa reação em cadeia ajuda a encher a “Bonus Gauge” mais rapidamente que qualquer outro método (lembrando: no Item World você não ganha os itens de bônus caso use um Dimensional Gate para ir para o próximo andar). Esse método é extremamente útil para se conseguir itens, XP e $$ das Bonus Lists no Item World.

Como fazer para “destruir” todos os Geo Panels de maneira fácil e rápida, então?

Alguns efeitos dos símbolo podem atrapalhar a festa (são eles: “Invincibility”, “No Lifting” e “No Color Change”). Mas antes deles, há requerimentos para ser possível a eliminação total:

1 – deve haver, no mínimo, o mesmo número de símbolos que o numero de diferentes cores no chão (se houver mais cores diferentes no chão do que símbolos, já era).

2 – Você deve ser capaz de alcançar todos os símbolos ou, na pior das hipóteses, construir sua estratégia se modo que o(s) símbolo(s) inalcançável(is) acabe(m) ficando dentro das condições e seja(m) destruído(s) pela reação em cadeia.

Supondo que as condições existam e que os efeitos problemáticos não estejam presentes, há duas estratégias extremamente simples para destruir todos os símbolos:

1- Ponha todos os símbolos (exceto o “Null”) numa mesma cor (aquela que não tiver símbolo correspondente, ou seja, se há painéis amarelos, mas não há o símbolo amarelo, jogue todos nos painéis amarelos). Escolha qual símbolo vai ser o primeiro a ser destruído e ponha o “null” num painel que tenha a mesma cor que o símbolo escolhido (se você escolheu começar destruindo o símbolo vermelho, jogue o “null” num painel vermelho). Destrua o símbolo (no nosso exemplo, seria o símbolo vermelho) e assista a reação. Esse é o método que eu uso em mais de 70% das vezes.

2- Jogue todos os símbolos em painéis da mesma cor (novamente: aquela que não tenha símbolo correspondente, caso haja um nessa condição). Jogue o símbolo “null” também nessa cor, mas tenha certeza que ele será o símbolo mais distante do primeiro símbolo a ser destruído. Pode iniciar sua reação sem problemas…

Os efeitos problemáticos:

Invencibilidade: Se o Null for quem causa a invencibilidade, você pode usar o método “1” acima normalmente. Caso não seja, a invencibilidade pode ser contornada destruindo um símbolo invencível (e que se deseja usar para iniciar a reação em cadeia)  jogando um inimigo em cima dele. Esse símbolo NÃO PRECISA ser o símbolo que provoca a condição de invencibilidade.

Invencibilidade (método 2): Supondo que, além do Null e do símbolo que causa a invencibilidade, haja duas cores “livres” de símbolos, você pode fazer o seguinte: Jogue os símbolos das “cores livres” numa mesma cor de painel e próximos um do outro (de modo que se você iniciar uma reação em cadeia com um deles, o outro seja o primeiro símbolo destruído na reação). Escolha (na sua cabeça) quem vai ser o símbolo que iniciará a reação. Jogue o símbolo que causa a invencibilidade num painel com a mesma cor dele. Jogue o Null num painel de mesma cor que o outro símbolo “de cor livre”. Se você pensar com carinho, verá que esse método permite algumas variações.  Como só explicar esse método pode ter ficado confuso, uma exemplo:

EXEMPLO (do Método 2): Símbolo Azul causa invencibilidade. Há, além do Null e do azul, ainda símbolos Magenta (rosa) e Amarelo. Há todas essas cores no chão e mais ciano (azul claro). O símbolo Magenta e Amarelo causam efeitos que não atrapalham a reação em cadeia (são as “cores livres” citadas acima). Você vai jogar o símbolo magenta e o amarelo em painéis ciano (e próximos um do outro). Agora escolheremos qual deles vai ser “o eleito” para começar a reação em cadeia. Usarei o magenta. Se houver mais símbolos além desses (desde que eles não causem invencibilidade nem sejam “No Color Change” nem “No Lifiting”) você irá jogá-los TAMBÉM em painéis ciano, mas mais afastados do magenta do que o amarelo está. Agora você vai pegar o símbolo que causa invencibilidade (o azul, neste exemplo) e jogá-lo num painel com a mesmo cor do símbolo escolhido para começar a reação(neste exemplo, magenta). O Null você joga num painel com a mesmo cor do outro símbolo “de cor livre” (neste caso, o amarelo). Tudo pronto?

Destrua o símbolo escolhido (magenta, no nosso exemplo). Todos os painéis ciano virarão magenta. Nesse meio do caminho, o símbolo amarelo será destruído. No próximo passo, a reação vai transformar os painéis magenta em amarelos e, nesse passo, o símbolo azul (invencível) vai ser destruído pela reação (mesmo ele causando invencibilidade, será destruído). Como o símbolo azul foi destruído, agora todos os painéis amarelos virarão azul e, nesse passo, o símbolo Null será destruído e, no próximo passo, vai “descolorir” os painéis. Voilà. Mas e os outros símbolos (se houver), onde eles entram? Simples. Supondo que haja mais símbolos além desses e que você também os jogou no ciano (seguindo esse exemplo, e mais distante do magenta que o amarelo está), a reação deles ocorrerá DEPOIS da transformação de magenta em amarelo. Depois que todos as reações de símbolos que estavam em painéis ciano, os painéis virarão azuis (pois o símbolo azul foi destruído quando os painéis magenta viraram amarelo e entrou no final “da fila” da reação e ficou “esperando a vez” dele pois havia símbolos destruídos antes deles para fazer as mudanças de cor). Logo depois da reação de mudança para azul ocorrerá a “descolorização” dos painéis, pois Null foi destruído na etapa seguinte à que os painéis viraram amarelos (e foi pro final da fila, logo após o azul).

“No Color Change” – para que uma reação em cadeia comece, o símbolo que causa esse efeito deve ser o primeiro a ser destruído (caso contrário, ele não permitirá que a cor dos painéis mude). Se houver mais de um, você deverá dividir a reação em cadeia em tantas partes quantos forem os símbolos causando esse efeito. Se o símbolo causando o efeito for o Null, nada muda: faça toda a reação em cadeia, com o Null fora dos painéis coloridos, depois jogue-o em qualquer um deles (todos a essa altura devem estar da mesma cor) e destrua-o.

“No Lifting” – esse é chato: use um personagem de nível baixo -para não destruir o símbolo- e que possua golpes capazes de mudar o adversário de posição (como Triple Strike) para retirar ou o símbolo que causa esse efeito dos painéis coloridos ou, caso todo mundo esteja bem arrumado, menos algum outro símbolo, use o ataque para deslocar o símbolo que está fora da posição certa. Lembre-se: é possível usar magia de cura nos symbols e evitar que eles sejam destruídos caso tenham que ser movidos mais de uma vez. Tirando o símbolo de “No Lifting” dos painéis (que deve ser o caso mais comum, já que todo mundo vir arrumadinho é querer demais), você pode arrumar toda a casa e depois jogar esse símbolo DIRETO PARA O LUGAR DELE (já que ele colará a si mesmo e todos os outros na mesma cor de painel nos seus lugares) ou então ir jogando nos lugares sem cor até chegar perto o suficiente para jogá-lo no lugar certo. Depois disso é só começar a reação normalmente.

* * * * * *

Um “Testament” de graça e mais quantos outros você quiser…

Uma das dicas mais manjadas de Disgaea é a de conseguir um item Testament (aumenta todos os atributos do personagem) logo que se chega ao episódio final do jogo, por isso mesmo, ela não poderia faltar (ou continuar faltando) aqui. Logo no início do jogo, “catuque” atrás do trono e ative o switch escondido, vá até a sala onde tem os shops e “catuque” a caveirinha que tem sobre o balcão, escolhendo também ativar o switch, volte à sala imediatamente anterior, desça a escada e “catuque” a parede, no canto superior esquerdo até a Etna pedir para ir ao banheiro. Elas irá, na verdade, para a sala secreta dela. Cada vez que você avançar um episódio do jogo, deverá retornar a esse cantinho para ela ir contando mais um trecho da história dela. Fazendo isso direitinho, quando você for visitar a saleta dela no último epi. do jogo, ela encontrará um Testament. “Di grátis”.

Aproveite seu Testament para ajudar a subir de level seus personagens (veja a dica sobre o “Item de treinamento”). Quando você tiver alguém em level decente, faça o seguinte. Escolha alguém do grupo, vá na Dark Assembly e peça para fazer o “Exame de Promoção”, cada vez que você passa nesse exame (com o mesmo personagem) novas propostas se abrem. Vá passando por esse exame até abrir uma proposta chamada “Prinny Land”. Aprove essa proposta e, na lista de cenários, essa opção será aberta, lá no final da lista. Passe pelos dois primeiros cenários e, antes de ir ao 3º, certifique-se de ter 1 Rogue em nível decente (50+) e ao menos 1 ou 2 “Bandit Hand” (se possível uma delas em nível 10) ou a melhor luva que você puder comprar (se ela for pior que a Bandit Hand, suba-a de nível, até pelo menos o level 20). Agora entre no 3º cenário da Prinny Land. Lá no fundo haverá um Prinny God (amarelo). Ele terá um Testament equipado. Basta roubar (cuidado para seu Rogue não ser morto em caso de falha). Com paciência e várias tentativas você poderá obter um Testament raro ou lendário, o que para o momento do jogo onde passa a ser possível abrir a Prinny Land, é muito bom.

O nosso nobre colega GnuoyKun já tinha adiantado a dica dos “quantos Testament você quiser” nos comentários, mas resolvi mesmo assim dar um destaque à dica, acrescentando-a ao corpo do post.

* * * * * *

Criando um “Item de Treinamento”:

Essa é uma ideia original minha (não digo que tenho sido o primeiro no mundo a pensá-la, mas não me inspirei em (e nem copiei-a de) lugar nenhum). A ideia é simples e a coisa é fácil.

Quando você decidir subir seus personagens de level a sério, pegue o seu melhor item de aumentar todos os atributos (Imperial Seal, Dark Rosary…) e “reserve-o”. Pode ser um Testament conseguido usando a dica acima ou ainda algum outro desses itens, preferencialmente “Raro” e que você pode conseguir no Hospital (veja a seção de “Toques” se você não souber como). Agora cace alguns Statisticians perdidos entre seus personagens ou vá ao Item World de alguns deles que tenha Statisticians para serem subjugados. Combine um bocado deles (o máximo que um Statistician dá de bônus na prática é 300%, então você não precisa juntar mais do que isso). Se você não estiver com saco para tal, junte-os até formar um level legal (um Statistician de level 100 ~150 já acelera bem as coisas) e depois que já tiver subido uns levels, vá acrescentando mais para acelerar seu treinamento.

Agora que você já tem um item que dá uma turbinada no seu personagem em treinamento (permitindo que ele consiga enfrentar uns inimigos mais fortes) e também no tanto que ele ganha de experiência por inimigo derrotado, escolha o personagem a ser treinado, equipe-o com o Item de Treinamento e use as dicas de Power Leveling, mas antes pode ser do seu interesse (mas é OPCIONAL) acrescentar umas coias à ele (o Item de Treinamento):

– Armsmaster: Uma boa pedida pra quem quer aproveitar o treinamento do personagem para destravar o resto dos especiais da arma que ele empunha (ou, no caso das magas e dos skulls, levar o alcance e área de efeito das magias ao máximo que o jogo permite). Se seu personagem não tiver nenhum especial legal, dê um Armsmaster em bom nível para seu Item de Treinamento e vá à Blair Forest, cenário Calamity Wood e desça a lenha nos inimigos de lá (um-a-um para ganhar mais proficiência com a arma). Segundo o que eu li, a eficiência máxima do Armsmaster é de 1.900, mas você não precisa chegar nem perto disso para que ele já acelere consideravelmente as coisas pra você.

– Social Worker: Se você quer exatamente ganhar level, é meio esquisito se seu personagem ficar em “Deprave” (impede o personagem atingido pelo “bad status” de ganhar experiência). Como pode ser que nem sempre alguém com Espoir esteja por perto, talvez seja melhor proteger seu personagem em treinamento contra essa condição.

– Manager: Uma das formas de melhorar seu personagem é transmigrando-o para um classe melhor (exemplo: passando de “Brawler” para “Pugilist”) e aproveitando para dar uns bônus aos parâmetros do personagem (Atk, Def, etc.)… o melhor para isso é transmigrar seu personagem na condição de “Genius”, mas para tal você precisará de bastante Mana (que você consegue da mesma maneira que consegue Exp: matando um inimigo). Então, que tal aproveitar o treino para já ir juntando Mana para sua próxima transmigração? O Manager ajuda, dando uma aumentada na quantidade de Mana recebida por inimigo morto.

– Coffee Maker / Psychologist / Medicine Man: Você pode querer se proteger contra alguns Status (total ou parcialmente) incapacitantes, então você pode querer alguns desses especialistas que protegem contra, respectivamente: Sleep, Forget (não pode usar ataques especiais e magias) e Paralyze.

– Broker: Você já vai ganhar muito dinheiro treinando, mas se por algum motivo você quiser mais ainda, é uma boa botar um desses (em nível alto) no seu item.

– Firefighter / Aeronaut / Cryophile: Se você for se aventurar no mundo dos itens, se proteger contra elementos pode ser uma boa maneira de evitar umas mortes prematuras (afinal, nem todos os inimigos com magias vão ter Star Magic…).

Novamente: seu Item de Treinamento não precisa ter todos esses, na verdade basta o Statistician, essas são algumas sugestões, que podem te ajudar dependendo de quais sejam seus interesses além de treinar e também para tornar seu treinamento mais fácil ainda.

Esse item é prático porque quando você atingir o nível que quer com um certo personagem, basta devolver ao personagem o item que ele usava antes de ter equipado o “Item de Treinamento” e passar o “Item de Treinamento” para o próximo a ser treinado. Quando ninguém estiver em treino, você pode, claro, equipá-lo em quem quiser, desde que você não se importe que esse personagem suba de nível toda hora…

* * * * * *

Dicas para “Power Leveling” e treino de magias:

Existe no gamefaqs.com um “Power Leveling Guide” (está na seção de FAQs do Disgaea pra PS2). Lá tem umas dicas legais, mas eu discordo dele em muitos pontos, então eu recomendo a leitura do FAQ (se você se virar no Inglês), mas mesmo assim vou deixar aqui algumas notas minhas.

A primeira delas é: não tente subir todo mundo de level no início do jogo. Pegue alguns personagens úteis, treine-os e confie neles para avançar nas batalhas do roteiro do jogo. No meu caso, meus personagens-chave foram Laharl, Ninja, Ronin, Prism e Galaxy Mages, Clériga e Flonne (para curar) e, mais tarde um pouco, Gordon e Jeniffer. Com apenas esses personagens eu avancei até o capítulo final do jogo. Os outros personagens, que ficaram para trás, serão fáceis de treinar no ponto certo do jogo (você entenderá já-já).

Magias devem ser treinadas de modo diferente das habilidades comuns: conforme elas sobem de level, elas ganham alcance e/ou área, por isso vale a pena treiná-las (assim você também aumenta o nível de proficiência da maga com “staffs”, o que também dá bônus em área/alcance para as magias, ou seja, dois avanços com um treino só).

Alguns cenários interessantes:

Flashy Passage – 3º cenário do 3º capítulo do jogo. Aqui, se você quiser destravar logo as classes “Ninja” (level 10 Warrior e Brawler -homens-) e “Ronin” (lelvel 10 Warrior e Brawler -mulheres-), é um bom lugar. Tem muitos inimigos e se você souber aproveitar bem os cantos do cenário e a posição do seu painel-base, dá pra ficar com poucos lados desprotegidos dos seus personagens (e levar menos ataques por turno). Também é um excelente lugar pra treinar magias no início do jogo (treinar as magas dá um pouco de trabalho, mas dá pra dar um jeitinho de protegê-las, especialmente se você fizer outros personagens de escudo-humano, cuidado apenas com a inimiga que traz uma lança e pode alcançar 2 painéis de distância). Aqui facilmente se destravam as magias “Mega-” das magas elementais e consegue-se destravar a classe Star Mage (a magia Mega Star demora um pouco mais para abrir, então você pode querer deixar pra depois…).

Terrible Cold – 3º cenário do 5º capítulo do jogo, é o primeiro citado no Power Leveling Guide no Gamefaqs. Aqui todos os painéis, com exceção de um único estão com efeito de invencibilidade. O macete é fácil. Jogue os inimigos um no outro até formar um personagem de level alto, mas ainda capaz de sofrer dano dos seus personagens, atire-o no painel sem a invencibilidade, cerque-o (para que ele não saia do painel) e mate-o (BraveHeart ou Magic Boost no personagem em treino ajudam). Faça bom uso de combo e atente para a fraqueza contra fogo. Lembre-se que o personagem “em treino” tem que ser o que dá o golpe final no inimigo, então cuidado para não criar um cadeia de combo longa demais. E OUTRA: é comum haver nos cenários um inimigos com defesa (ou resistência, que é o que interessa quando você quer treinar magos) menor que os demais, use-o como base para formar o “super-inimigo” para facilitar seu trabalho. O oposto também existe, há um inimigo que costuma ter mais defesa e/ou resistência que os outros, cuidado para não ser esse a base, ou então você terá problemas em matá-lo… Se o inimigo resultante de todos os demais “fundidos” já não estiver dando conta do recado, você pode ir na Datrk Assembly e pedir inimigos mais fortes. Eu não costumo fazer isso, mas a opção é válida.

Calamity Forest – 1º cenário do capítulo 6. Outro cenário com uma multidão de inimigos. Depois de passar pelo cenário anterior, é besteira querer treinar level aqui, mas o grande número de inimigos torna o cenário ótimo para treinar magias. Se suas magas elementais tiverem novas magias que você ainda não passou para as magas “acima” delas (se você estiver seguindo o macete dos magos multi-elementais), esse é um bom cenário para fazê-lo.

Uma pausa sobre os cenários. Daqui até o próximo cenário interessante fica um buraco razoavelmente grande, se você estiver tendo dificuldade em passar pelas lutas do roteiro do jogo, eu recomendo que você gaste um pouco de tempo no Item World, lá você pode melhorar o nível dos seus itens, bem como ganhar uns níveis com seus personagens (você também pode subjugar e combinar vários especialistas para dar um “power up” mais firme nos seus principais personagens). No Power Leveling Guide, o autor recomenda o cenário Fervent Melody (cap. 10, cenário 1), mas eu acho esse cenário muito ruim, há muito espaço sem invencibilidade (então você não pode cercar os oponentes e eles vão para a área de invencibilidade) e os inimigos usam muitos ataquem de área e acabam um matando o outro, quando estão fora da área invencível.

De volta aos cenários:

Star Cluster – 3º cenário do episódio 12. Esse cenário eu cito, mas com restrições. Primeiro você tem que se livrar de um “Ally Damage” que está do outro lado do cenário. Use Lift-Throw com um Rogue + Gordon + Ninja (recolha no turno seguinte o Gordon e o Rogue de volta ao painel-base) e avance com o Ninja até o symbol o mais rápido possível e jogue-o para fora da área de invencibilidade (não saia  da área de invencibilidade no meio do caminho para não ser morto pelos inimigos, muitos usam armas de fogo e acertarão seu ninja com facilidade!). Feito isso, basta combinar os inimigos, jogar pra fora da área de invencibilidade e matá-los. Mesmo não dando para prendê-los tão eficientemente quanto no cenário Terrible Cold, o grande número de inimigos (e o potencial de Level Up, portanto) compensam o esforço. Se você gostar, no entanto, de enfrentar o Item World, esse cenário de treino pode ser dispensado.

Field of Virtue – 1º cenário do episódio 14 (último episódio do jogo). Esse é o cenário que eu considero como o primeiro cenário verdadeiramente de “power leveling”. Aqui você bota seus personagens em nível 100 ~ 150 brincando (sem usar o truque de pedir inimigos mais fortes na Dark Assembly). Se você se pergunta qual o porquê de fazer “power leveling” no último capítulo do jogo, eu digo: se você pretende fazer os “extras” do jogo (Prinny Land, Cave of Ordeals, Human World, Alternate Netherworld…), o nível 100 é apenas o começo (bom, para a Prinny Land não precisa tanto…). Se você não pretende fazer os extras, você não precisa de power leveling… De qualquer modo, a maior das vantagens desse cenário para os anteriores é a simplicidade. Não há nenhum truque aqui, apenas derrote os inimigos. Há um bônus de  Exp+100 no cenário todo, os inimigos vêm bem distantes um dos outros e em level bom. O “chefe” que você enfrenta aqui na 1ª vez que entra nesse cenário é substituído por uma das “evoluções” dos demais inimigos, em level um pouco mais alto. Você pode jogar os inimigos uns nos outros e produzir um único inimigo level 265. Certamente é uma boa quantidade de experiência, que você ganha em dobro devido ao bônus do cenário. Com a ajuda de Statisticians, dá pra você colocar os personagens em nível 200 sem muito esforço.

Cenário 3 da Cave of Ordeal – O verdadeiro e melhor cenário (exceto pelo Item World dos itens absurdamente fortes) para treino. Outro cenário com bônus de experiência, mas esse pode ser um pouco traiçoeiro se você trouxer personagens em nível muito baixo para treinar. Aqui você enfrenta 9 inimigos da classe “Galactic Demon”, ou seja, toneladas de defesa e resistência. O grande “pulo do gato” desse cenário é o modo como eles vêm arrumados no cenário: um quadrado de 3×3. Você pensou em magias? Espadas (Winged Slayer)? Punhos (Big Bang)? Na Jeniffer (Cosmic Arrow)? Colocar umas magas estrategicamente afastadas dos inimigos e fazer uma sequência de Brave Hearts/Magic Boosts, seguido de um combo de magias (com as demais magas) e um ataque final com o personagem da vez em treinamento fará seu nível disparar rumos aos céus em comparação aos mapas anteriores. Level 1000 não será mais uma realidade distante (especialmente contando com a ajuda de Statisticians e da Dark Assembly pra dar uma bombada nos inimigos). Para os personagens que não usam espada/punho, três saídas. Temporariamente dar uma espada pra eles (dê um bom Armsmaster pra ele ou ela) e vá até a Blair Forest, cenário Calamity Woods e vá destroçando os inimigos até abrir Winged Slayer. Alternativamente, equipar uma arma tipo Punho (caso o personagem tenha compatibilidade MUITO RUIM com espadas) e socar os inimigos até destravar Big Bang. Apenas ressalto duas coisas: Big Bang é ataque elemental (fogo), então é menos eficiente que Winged Slayer, já que haverá inimigos resistentes a ele… e outra coisa: Big Bang é o último ataque a ser aberto para seu tipo de arma, enquanto Winged Slayer é o 4º para espadas, portanto se a compatibilidade do personagem com espadas for decente, provavelmente compensará mais dar temporariamente uma espada na mão do sujeito, mesmo que apenas durante o treino dele. A terceira solução (que é uma não-solução), para quando o personagem é muito ruim tanto com espadas quanto “na mão” é simplesmente “amaciar” os inimigos na base da magia, logo no primeiro turno, antes deles saírem da formação e ir “abatendo-os” um-a-um com o personagem em treinamento.

Mais uma coisa: Como os inimigos na Cave of Ordeal têm defesa medonhamente alta e os itens que pintam no bônus são de nível bem razoável, você pode querer aproveitar e ficar de olho se vai vir algum item particularmente bom (ou então raro, lendário…) para ganhá-lo “de grátis”. Como? Simples: Os inimigos aqui tem um move ridiculamente pequeno, então você pode aproveitar o pessoal que tenha ataques de longa distância (armas de fogo, Dark Flash de Arco, magias, Wind Cutter das espadas…) e fazer um longo combo nos inimigos para encher a “Bonus Gauge” rapidamente. Basta ficar a 4 espaços de distância (ou mais) que os inimigos deverão não perseguir seu grupo (exceto você acabe se posicionando de modo que os ataques especiais deles te acertem caso eles ajeitem a posição deles). Inclua um ou mais membro da classe dos ladrões para encher a barra mais rápido.

Depois que a Cave of Ordeals deixar de ser eficiente, a única maneira de subir de nível rápido é acessando o Item World de itens fortes e partindo pra cima dos oponentes até alcançar os cenários múltiplos de 10 ou até a coisa ficar realmente preta e você sair usando uma “Mr. Gency’s Exit” para poder recuperar-se no hospital. No mundo dos itens fortes, você pode deixar seus personagens em nível 4000 ~ 6000 sem grandes problemas e, como você é um cara esperto, entrará no mundo de itens que você pretende usar e, como alguns dizem, “matará dois coelhos com uma caixa d’água só”.

O endereço do FAQ citado nessa dica é (lembrando, que ele é em inglês): http://www.gamefaqs.com/ps2/589678-disgaea-hour-of-darkness/faqs/25086

Bom treino!

* * * * * *

– A “Luta Impossível” do Episódio 6

No episódio 6 do jogo, no cenário Writhing Shadow (4º cenário do episódio), você se deparará com uma luta que, normalmente, é impossível de ganhar (inclusive o jogo prevê que você a perca, embora nada impeça de você tentar ganhá-la). Eu não vou spoilar o que acontece, mas, para referência, você terá de enfrentar inimigos em nível 75 (enquanto você mal está em nível 20).

Se você está no round/ciclo 0 (ou seja, sem estar usando “New Game+”) essa situação normalmente SERIA uma sinuca de bico… mas, como se trata de Disgaea, dá para se contornar a situação (sem trapacear) usando um macete que, embora consuma um bocadinho de tempo, é fácil e indolor. Se você estiver num New Game+, certamente terá equipamentos que compensem uma eventual falta de level (o que também não deve ocorrer…).

O que é preciso para o macete? O macete não tem uma forma 100% fixa, então você pode adaptá-lo ao seu “time de personagens”. O que vai aqui são sugestões (exceto o parágrafo do “Indispensavelmente”).

Indispensavelmente, um “Item de Treinamento“. Há uma dica ensinando a criar um, mas, resumidamente, é um item tipo “Symbol” (Imperial Seal, Dark Rosary, Devil Ring…), de preferência o melhor deles que você tiver, no qual você vai juntando especialistas tipo Statistician até o valor-limite de 300 (mais que isso o jogo ignora). Além disso, ainda que não seja de todo indispensável, pode-se considerar “fundamental” que você tenha um Ninja (com Spd e Atk os mais altos que puder), que será seu personagem central nessa dica. Recomendável que seu Ninja lute com armas tipo punho.

Recomendável (altamente): magos com magias de todos os elementos (podem ser Prism e/ou Galaxy Mages/Skulls ou ainda magas/skulls com a dica dos Magos multi-elementais). Alguém para curar (2 personagens se possível): podem ser clérigos(as) e/ou, ainda, a Flonne (veja a Dica da Flonne, a 1ª dica do post). Algum personagem com ataque super-alto (Ronin + machado -com Marskman para compensar a perda de “Hit”, por exemplo) e com bom HP. Um personagem ainda capaz de causar dano e com boa defesa (no teste dessa dica foi usada a uma Knight com magias de todos os elementos, criada de acordo com a dica dos magos multi-elementais).

Útil: personagens capazes de causar dano aos inimigos, mas que servirão de “sacrifício” (recomendação: Red/Green/Blue/Star Mages ou Skulls).

OK, com tudo isso (ou com suas ideias adaptadas para seu rol de personagens), o que fazer?

Primeiro, se você ainda tiver que criar seu Item de Treinamento, deixe o item escolhido sempre com seu Ninja e use-o como “Explorador do Item World” dos itens que você for visitar para subjugar/mover/combinar os Statitsticians até juntar os 300 necessários. Isso irá ajudar seu Ninja a já subir uns níveis e ganhar mais especiais com a arma dele (preferencialmente, do tipo “punho”).

De posse do seu Item de Treinamento, vá para a Dark Assembly e faça os Promotion Exam (com seu Ninja) até que apareça, dentre as propostas disponíveis para ele fazer, “Triple Exp”. Esvazie sua Item Bag, vá para o shop de itens e armaduras e entupa-a com itens baratinhos (Fairy Dust, Mint Gum…) e SALVE seu jogo. Abra a Dark Assembly e peticione a proposta de Triple Exp. Suborne os Senadores de nível mais alto com os itens comprados e vote. Se você perder, terá de tentar “Persuade by Force”. Aja de acordo com a situação (jogue Senadores contrários (de nível mais baixo) em Senadores a favor (de nível mais alto) e tente encarar quem for possível). Note que “encarando quem for possível” você ajuda seu Ninja a ganhar mais uns níveis (claro, aquele Senador de nível 5 não conta…).

Passada a proposta, vá para o cenário Terrible Cold (em Jotunhein), combine todas as inimigas numa só (use como “inimiga-base” aquela que tiver a menor -ou uma das menores- defesa). Jogue sua “super-inimiga” no único painel sem invencibilidade, cerque-a (Ninja + alguém que não tenha Counter) e dê um jeito do seu Ninja matá-la (BraveHeart, combo, counters…). Isso fará seu Ninja pular uns bons níveis (não serão 2 ou 3…).

Repita os passos dos dois parágrafos acima mais 2 ou 3 vezes e seu Ninja deverá estar aproximadamente em nível 75.

A ideia agora é pegar seu personagens escolhidos (no teste da dica foram: 1 Prism Mage, 1 Galaxy Mage, 1 Cleric, 1 Ronin (com machado), 1 Knight e a Flonne – todos estes personagens, menos a Ronin (e incluindo a Flonne), tinham magias de todos os elementos até o nível Omega quando eles terminaram o treinamento) e fazer o mesmo que com o Ninja. Você pode usar o Ninja para fazer a petição de Triple Exp e, na luta no Terrible Cold, usar o personagem em treinamento da vez para matar a inimiga de nível 112 numa boa. Seu Ninja pode conseguir mais Mana matando alguns dos Senadores contrários (inclusive você pode passar seu Item de Treinamento para ele antes de fazer a proposta para a Dark Assembly -o que vai fazê-lo subir mais uns níveis- e depois devolver o Item para o personagem em treinamento). Em tempo: quando você estiver treinando personagens magos, a inimiga-base deve ter Res (e não Def) baixa. Fazer esse processo para seus personagens escolhidos demorará um pouco (mas nada impeditivo).

Agora seus “sacrifícios”: faça o descrito para seu Ninja APENAS UMA VEZ (se seus personagens estiverem em nível 20, 1 única vez deve jogá-los para nível 54). Claro, você pode querer fazer o “power leveling” deles até nível 75 e usá-los como personagens combativos na luta e não meros sacrifícios, mas há uma boa chance que eles acabem morrendo de qualquer forma no 1º Turno porque haverá muito inimigos ainda na tela.

Junte uns itens (bons) que recuperem HP na sua Item Bag.

Na hora da luta: Não existe uma receita de bolo (especialmente se você está usando outros personagens…), mas o mais indicado é usar magias (especialmente as que forem fraquezas de 1 dos alvos) para atingir 2 ou mais inimigos. Faça um combo (sempre inclua pelo menos um alvo comum entre duas magias consecutivas) para melhores resultados. Use 2 ou 3 sacrifícios, mais 1 mago (não fique com pena de torrar o SP dos seus sacrifícios e use magias Omega, se possível). Seus sacrifícios podem ficar mais avançados, mas seu mago “titular” tem que ficar o mais recuado possível. Mate o máximo possível de inimigos e deixe o máximo que der machucados (não serão muitos porque não é uma boa usar todo mundo no 1º Round). Seu Ninja pode ser sacado do painel-base depois de executadas as magias para finalizar alguém que tenha ficado com HP baixo e/ou para “empurrar mais pra trás” (com especiais de punho) algum inimigo.

Quando você der “End Turn”, provavelmente sofrerá algumas baixas. Será a vez de você usar as cartas que tiver na mão para prosseguir a luta. Tente eliminar com seus magos restantes (cure se algum deles foi ferido, mas sobreviveu ao 1º turno) todo mundo que sofreu um bom dano no 1º Turno (ou os inimigos que forem bem machucados pelos ataques de área de outros inimigos no “Enemy Turn”). Use seu personagem de ataque e HP alto para finalizar mais um oponente. Use seu personagem de defesa boa para tentar atrair um inimigo para um “mano-a-mano” e diminuir a quantidade de inimigos atacando seus magos e demais aliados. Quanto mais inimigos você matar no 2º turno, melhor. Lembre-se que seu Ninja provavelmente só poderá ser curado com itens, coisa que ele mesmo pode fazer (o que te impedirá de usá-lo no turno, mas ainda assim poderá ele causar dano nos inimigos com eventuais contra-ataques).

Daí pra frente tente manter seu personagem de HP e ataque altos vivo o máximo que for possível (use especiais para evitar Counters e evite mandar esse personagem para onde tiver muitos inimigos juntos). Mande seu Ninja para o meio dos inimigos (ele deverá evitar a maioria dos ataques e especiais) e use seus melhores especiais nos inimigos. Enquanto seus magos viverem, use-os o máximo que der. Use seu personagem de defesa alta para atacar um inimigo também (se conseguir fazer esse inimigo se “desgarrar do bando”, melhor) e use seus personagens com habilidades de cura para curar quem precisar.

Não conseguiu mesmo assim vencer a luta? Você já deve ser capaz de vencer a luta só com o que foi dito até aqui, mas se estiver enfrentando dificuldades, vamos lá. Continuar o macete anterior (Triple Exp + Terrible Cold) passa a render muito pouco por luta (mas você pode querer fazer mais uma vez para cada personagem). Pode ser interessante, então, pegar suas melhores armas e visitar o Item World delas (seu Ninja nível 75 -ou mais- deve dar conta sozinho…) para deixá-las em nível 10 (talvez 20). Ainda que isso não incremente TANTO assim o poder de fogo do seu time, pode ser o suficiente para fazer pender a balança pro seu lado. Você pode querer fazer o mesmo com itens “Muscle” (Ninja e personagem de HP e Atk altos) ou com a armadura do seu personagem de defesa alta. Se seus magos estiverem “secando” (ficando sem SP) antes de morrer, pode fazer o mesmo com as Orbs deles.

* * * * * *

– “Escalando” a dificuldade dos Item Worlds

Você acabou de enfrentar os 10 inimigos da luta citada na dica acima e agora tem uma meia dúzia (ou mais…) de personagens hiper-fortes (em relação aos demais) que te garantirão vitórias fáceis por alguns capítulos do jogo. Ao invés de reclamar que o jogo “perdeu a graça”, você pode aproveitar esses personagens para explorar o Item World de itens interessantes e descolar novos (e mais fortes) itens. Afinal de contas, a “campanha principal” de Disgaea é apenas uma pequena fração do que o jogo tem a te oferecer. Vamos à dica, então:

Você a essa altura do campeonato tem um Ninja em nível bem razoável. Vá a Dark Assembly e passe a proposta “More Expensive Itens” até que na loja de Itens apareça a “Bandit Hand”. Compre uma trinca delas. Escolha uma delas para entrar e deixe as outras duas para serem usadas (caso pinte um item legal para ser roubado). Pegue um ou dois itens de cura que possam restaurar completamente (ou quase) o HP do seu Ninja e prossiga para o item World da luva escolhida. Você não precisará de grandes mecetes. Vá avançando com seu Ninja em direção ao Dimension Gate e detonando o maior número possível de inimigos. Isso vai ajudar seu Ninja a ganhar (ainda) mais níveis, mas aqui pode ser interessante MAIS AINDA:

– Fique atento à Bonus List: sempre que tiver um item interessante, veja se você consegue pegá-lo (conte com a ajudar das reações em cadeia dos GeoPanels sempre que possível).

– Sempre que tiver grandes quantidades de XP na Bonus List, tente uma reação em cadeia e deixe na tela apenas os personagens para os quais você quer dar XP, sendo algumas sugestões: Seu ladrão (ou ladrões): o nível deles influencia no sucesso da tentativa de roubo; Arqueira; Clériga; Knight (você precisa de uma personagem de casa uma dessas três classes em level 100 para destravar a classe Angel); outra(s) personagem(ns) que cure(m).

– Fique MUITO atento ao que vem equipado no inimigos, não muito raro (embora também não seja “sempre”) eles poderão ter equipados itens melhores que a Bonus List.

Na sua passagem pelo Item World da Bandit Hand é bastante provável que você consiga (na Bonus List ou roubando de algum oponente) um item cujo nível de dificuldade do Item World seja maior que o da Bandit Hand (se não conseguir, vá para o Item World de outra Bandit Hand). Se não for ser demais para seu Ninja enfrentar o Item World desse novo item, você pode ir lá atrás de mais XP, mais Hell e mais item melhores (para você usar e/ou para você visitar os Item Worlds deles), fazendo uma “escadinha” de dificuldade, ganhando level com seu Ninja e com outro(s) personagem(ns) à sua escolha.

Recomendado: Aproveite e crie um segundo Ninja para ser “explorador do Item World”. Em itens que você pretenda usar, uma vez que seu segundo explorador já esteja com level decente, você pode mandar um dos Ninjas atrás de um especialista (ou Item General/King/God) enquanto o outro ruma para o Dimension Gate, economizando um bom tempo. No mais, você, caso precise usar Lift/Throw, não precisará expôr outro personagem ao risco de ser atacado pelos inimigos. Os Ninjas em geral vão esquivar e ainda contra-atacar. Para “treinar” seu novo Ninja, crie um “Item de Treinamento” exclusivo para ele e “fature” algumas Bonus List com bastante XP em Item Worlds de itens decentes. Em pouco tempo ele estará apto a vagar pelos Item Worlds.

Recomendado 2: Aproveite a chance de andar por Item Worlds de itens melhorezinhos e treine logo sua Clérica, Knight e Arqueira (usando inicialmente os bônus de XP da Bonus List e depois também matando inimigos) até o level 100. Isso destravará a classe Angel, ótimas no ataque e ótimas com magia. Ah, e também curam.

* * * * * *

– “Toques”

* Você pode, na hora de comprar algum item da família das “Stealing Hands”, procurar uma que tenha bônus em “Hit” (ou seja, tenha um ou mais Marskman nela) e ir ao mundo do item. Ao sair, o item estará melhor e o especialista, se subjugado, deixará um bônus permanente no “Hit” da “Stealing Hand” (ou seja qual “hand” for), o que aumentará ainda mais a eficiência do item.

* Você pode aproveitar os Marskman subjugados na dica acima para compensar a penalidade que os machados causam no atributo Hit (basta movê-los pro machado em uso). É uma boa maneira de aproveitar a boa compatibilidade das Samurais e/ou dos Ninjas (especialmente das Samurais) com essa arma sem ter que aturar alguns “Miss” (especialmente contra inimigos rápidos e de level alto) extras e sem ter que fazer esforços adicionais.

* Conforme você usa o Hospital, vai destravando alguns itens como brinde. Você pode aproveitar essa chance para conseguir uma cópia “rara” desse item no Hospital. Quando a opção “Claim Prize” for habilitada (o que indica que um item está disponível pra você retirar), entre e dê uma olhada no prêmio. Se e Rarity dele estiver entre 8 e 32, o nome do item estará piscando em prateado (ou seja, é uma cópia “rara” do item). Se não for, cancele (não pegue o item). De volta ao menu principal do Hospital, escolha “Get Treated” e cancele (não precisa curar ninguém). Entre novamente em Claim Prize e veja que a Rarity do Item mudou. Repita até o item vir com Rarity entre 8 e 32 e piscando em prateado. Aí é só pegar o item e PROFIT. Aparentemente não dá para conseguir itens “Lendários” (Rarity menor ou igual a 7) dessa forma.

* Em todo cenário (seja de história do jogo, seja “mapa secreto” ou Item World), sempre dê uma checada na Bonus List e nos equipamento dos adversários. Pode ter algo que valha a pena tentar ganhar ou roubar.

* Fique de olho também nas vulnerabilidades/resistências elementais dos adversários. Além de te ajudar a evitar o uso de magias/especiais “errados”, os números podem indicar que algum item equipado pelo inimigo está dando bônus na resistência elemental a ele (se os números não forem 0%, 50% e -50%, pode ter certeza que há bônus). Se for do seu interesse, então, prepare seus Rogues e afane o equipamento adversário. Esses especialistas ficam, mais comumente em armaduras e itens tipo “Muscle”. Depois é só equipar o item roubado ou ir ao Item World desse item em questão e subjugar o especialista.

* Sempre destrave todas as “evoluções” das classes a partir da “classe-base”, se você estiver com alguma classe “avançada”, a(s) próxima(s) irá(ão) requerer que seu personagem esteja em nível mais alto. Ex.: A maioria das classes mais comuns do jogo (como a família dos “Warrior” e “Brawler”) vão destravar a classe mais alta (respectivamente “Cosmic Hero” e “Eternal Fist”) quando seu personagem atingir nível 100, mas isso apenas se ele for da “classe-base” (Warrior ou Brawler); se você tiver transmigrado para Battler ou Pugilist, as últimas classes não abrirão no nível 100, mas em algum outro nível mais alto. Se você for transmigrando sempre que abrir uma classe nova, você terá que levar seu personagem a um nível bem mais alto do que a princípio seria necessário para destravar as classes finais de cada “família”.

* “Item de Treinamento” não precisa ser apenas 1. Na verdade, você pode ir combinando Statisticians até juntar 300 e resolver deixá-los com um dado personagem e, então, juntar novamente 300 Statisticians para dar para um novo personagem, fazendo com que vários personagens tenham “seu próprio Item de Treinamento”.

* É recomendável, se você usa um personagem (ou mais) como “explorador do Item World”, que tal personagem tenha PERMANENTEMENTE nele um “Item de Treinamento” (acrescente especialistas para dar resistência contra o máximo possível de “Bad Status”). Assim ele vai subir de level mais rapidamente (permitindo que você explore Item Worlds de itens melhores mais rápido) e, com a proteção contra status negativos, vai ser mais independente. Fora os bônus que os itens tipo “Symbol” (que são os recomendados a servir de base para a criação do Item de Treinamento) dão naturalmente.

* * * * * *

– Miscelânea: “Respondendo ao que não foi perguntado”

O Google traz muita gente aqui e outro dia eu e o Felipe-san estávamos vendo as palavras chaves e buscas que trazem a galera ao Aglomerado (e rindo muito, porque gente sem noção solta aí existe aos montes) e eu vi que um número razoável de gente chega aqui atrás de informações de Disgaea que não estão no post. Como internauta não tem boca (ou melhor, não tem dedos, para poder digitar), ninguém pergunta (nem via comentários, que é só apertar um link e digitar a pergunta…), mas eu resolvi responder assim mesmo. Só lembrando uma coisa, eu sempre estou assumindo aqui que você está jogando o “DISGAEA 1” (seja do PS2, PSP ou NDS), não o Disgaea 2 ou o 3. Vamos lá:

disgaea the afternoon of darkness subir nivel armas” – Para subir o nível das armas em Disgaea, você deve ir ao Item World. Para tal, tenha a arma que você deseja subir de nível na sua Item Bag (não pode estar equipada nem na Warehouse), fale com a Red Mage que fica perto da Clériga que guarda o portal (aquele que você usa para ir aos mapas). Ela lhe dará uma lista de opções. Escolha “Go to the Item World” aponte para o item desejado e confirme. MAS CUIDADO: Tenha certeza de ter gente em nível bem mais alto que o nível do inimigos no primeiro andar do item (pois você só poderá sair sem ajuda de itens no 10º andar) e a cada andar que você desce (sim, você vai descendo e não subindo) os inimigos vão subindo de nível. Para passar de um andar para o próximo ou você faz alguém do seu grupo alcançar o Dimensional Gate, que às vezes terá um inimigo -que estará com sua classe alterada para “GateKeeper”- guardando o portal e que deverá ser derrotado ou deslocado de lugar (especiais de soco, por exemplo) antes de seu personagem poder pisar no Dimensional Gate. Ou então você derrota todo mundo do mapa (o que nem sempre será possível). Também é sempre bom ter consigo uma “Mr. Gency’s Exit” para sair do item fora dos andares múltiplos de 10, em caso de emergência. Quando você sair do Mundo do Item (seja nos andares múltiplo de 10, quando você for perguntado, seja usando uma Mr. Gency’s Exit), o item estará com o mesmo nível que o último andar “conquistado”. Se você alcançar o nível 10 (ou seus múltiplos), tente derrotar o Item General (ou King ou God) para melhorar mais ainda o item.

“raise military funds” disgaea – Não sei o que a pessoa queria, mas essa petição à Dark Assembly só serve para 2 coisas: o jogador ver como funciona e para destravar o final da Dark Assembly, onde você tem que passar uma proposta (não importa qual) “à força” 100 vezes.

como jogar disgaea ps2” – … (Essa eu tinha que citar aqui só pra constar mesmo… XD)

como upar a flonne no disgaea” – Aqui eu já dei as algumas dicas, mas pra quem já está no meio do jogo, pode apenas criar as magas-discípulas (não precisa se desfazer das suas) e passar as magias-base (Fire, Ice, Wind, Star) para a Flonne. Quando se chegar onde dá pra fazer power leveling, é só levar as magas-discípulas da Flonne ao level 100 (acredite, é ridiculamente fácil se fazer isso no “Field of Virtue”), ensinar as magias delas para a Flonne e depois pode descartá-las. Agora, se você quer fazer “upa-upa” com a Flonne-chan, deixa pra lá…

como usar o move residents do disgaea?” – Se você já foi ao Item World daquele item (que tem o resident que você quer mover) e já subjugou (“subdued” – você tem que derrotar o resident quando ele aparecer, ele não pode morrer por poison, por Geo Combo nem nas mãos de um inimigo) o especialista desejado, fale com a mesma Red Mage que te dá a opção de ir ao Item World e peça “Move Residents”. Encontre o item que tem o especialista desejado (o item deve estar na sua Item Bag), escolha o especialista que quer mover e agora aponte para o item para onde você quer mover o resident (o item de destino também tem que estar na sua Item Bag e tem que ter um Slot vago para comportar resident que você está movendo) e confirme para finalizar a mudança. Se o item de destino já tiver um resident igual e subjugado (lembre-se: residents subjugdos são bolinhas laranja), você pode pedir “Combine Residents” para liberar um slot no Item. Se houver um resident do mesmo tipo e não-subjugado, não combine!!!

detonado como passa do capitulo 3 disgaea hour of darkness ps2” – Com exceção de 1 luta no capítulo 6 do jogo, que nós podemos considerar como “impossível” para quem está jogando o jogo pela primeira vez, todas as demais lutas do roteiro principal em Disgaea você ganha simplesmente matando todos os oponentes. Por essa simples razão eu digo que Disgaea, para quem não quer fazer os extras, não precisa de detonado. Se você não está conseguindo vencer uma luta, volte em algum mapa anterior e vá treinar, suba suas magas (ou seus Skulls) de level, treine as magias deles (para melhorar alcance e área), vá para cenários com muito inimigos e mate-os com seus personagens mais fortes (para tentar destravar algum especial novo) e volte a tentar a luta empacada de novo, depois de subir uns níveis. Isso vale para o Disgaea do PS2 e do PSP (e provavelmente pro do Nintendo DS também).

disgaea como criar armas” – Se for no Disgaea 1, simplesmente você não cria armas…

disgaea como passar do i world” – Respondido acima, em “disgaea the afternoon of darkness subir nivel armas”. Só um adendo: dependendo do tipo do Item, o número de andares no Item World muda. Para Itens comuns, são 30 andares, para itens “raros” (piscam em prateado) são 60 andares e para itens “lendários” (piscam em dourado) são 100 andares.

disgaea hour of darkness como ganhr intem de sair do intem world” – Se você quer saber como ganhar uma Mr. Gency’s Exit, há dois métodos “seguros”. No início do capítulo 3 você ganha uma. Outra forma segura é passando do 10º andar do Item World de QUALQUER ITEM matando todos os oponentes (ou seja, sem usar o Dimensional Gate). O item “0” da bonus list desses cenários sempre é uma Mr. Gency’s Exit.

disgaea mago tera” – Se você quer saber como destravar as magias “Tera” em Disgaea, é fácil. Primeiro: apenas as magas “básicas” (aquelas que só possuem magias de um único elemento) as aprendem (Red, Green, Blue e Star Mage), o mesmo valendo para os Skull. Para aprender a magia basta chegar ao nível 100 com elas (ou 120, no caso da Star Mage). Para ter mais magas que saibam usar nível de magias ou para ter uma só com todas as suas magas sem ter que ficar transmigrando, veja a dica dos Magos Multi-Elementais, mais acima.

pra que serve combine residents disgaea” – Combinar os Residents serve para produzir um único Resident mais forte daquele tipo, poupando o número de Slots usados (que é limitado em cada item). Assim se você tem um Gladiator (dá bônus em Atk) de nível 20 e outro de Nível 30 no mesmo Item (ambos já subjugados no Item World, de preferência, para que você possa mover depois), você pode combiná-los para criar um único Gladiator nível 50 e ficar com um Slot livre (e botar, por exemplo, um Dietician para ganhar bônus em HP).

pra que serve o nivel das magias em disgaea?” – Além de ficar mais forte, quando uma magia sobe de Nível ela ganha ou distância de alcance ou área (até o limite que o jogo permite, claro). Se você incluiu, no entanto, os “especiais” do que você chama de magias, aí a coisa muda: para os especiais das armas (como Blade Rush, Impaler, Triple Strike…), o nível só influência na força e no custo (em SP’s) do especial.

qual level para zerar o disgaea” – Se você quer simplesmente zerar o roteiro principal do jogo, algo próximo do nível 100 é mais que suficiente.

saber o nível para ganhar novas magias no disgaea” – Se você fala de “ataques especiais” das armas, isso depende do nível de proficiência do seu personagem com a arma, vá usando que uma hora destrava (dê uns Armsmaster para ele/ela para acelerar as coisas). Em se tratando de magias mesmo, essas sim dependem do nível da personagem. Todas as Magas e os Skulls (e também Cleric, Knight e Angel) vêm com sua magia base desde a criação (nível 1). As outras dependem do tipo de Maga/Skull (ou se é Knight, Cleric, Angel…) e são:

– Red/Green/Blue Mages/Skulls – Nível 8: “Mega-” / 9: “Magic Boost” / 12: “BraveHeart” / 20: “Giga-” / 40: “Omega-” e nível 100: “Tera-” (A magia que segue depois dos prefixos Mega, Giga, Omega e Tera, depende do tipo de mago).

– Star Mage/Skull – Nível 9: “Magic Boost” / 12: “BraveHeart” e “Mega Star” / 25: “Giga Star” / 50 “Omega Star” e nível 120: “Tera Star”

– Prism – Nível 8: “Mega-” / 9: “Magic Boost” / 12: “BraveHeart” / 20: “Giga-” / 40: “Omega-” (Magos “Prism” vão aprender as magias dos três elementos simultaneamente, ou seja, no nível 8, ele(a) irá aprender Mega Fire, Mega Wind e Mega Ice ao mesmo tempo e assim por diante).

– Galaxy – Nível 8: “Mega-” / 9: “Magic Boost” / 12: “BraveHeart” e “Mega Star” / 20: “Giga-” / 25: “Giga Star” 40: “Omega-” / 50: “Omega Star”. (Magos “Galaxy” / assim como os “Prism” vão aprender as magias dos três elementos simultaneamente, ou seja, no nível 8, ele(a) irá aprender Mega Fire, Mega Wind e Mega Ice).

– Cleric – Nível 7: “Espoir” / 9: “Shield” / 10: “Mega Heal” / 15: “Magic Wall” / 25: Giga Heal, 50: “Omega Heal”

– Knight – Nível 6: “Magic Wall” / 7: “Magic Boost” / 9: “Shield” / 10: “BraveHeart” / 10: “Mega-” / 25: “Giga-” / 50: “Omega-“

– Angel – Nível 2: “Heal” / 9: “Espoir” / 12: “Mega-” / 15: “Mega Heal” / 30: “Giga-” / 36: ” Giga Heal”

como ganhar bastante experiencia no disgaea?” – Procure cenários com bônus de experiência e acrescente Statisticians a algum item de seus personagens. Leia mais nas “Dicas para Power Leveling” e também na dica para criar um Item de Treinamento, ambas mais acima.

Se alguém quiser tirar alguma dúvida, pode deixar sua pergunta nos comentários, porque nem sempre eu vou ter tempo de ficar fuçando o Google Analytics pra descobrir quais palavras-chave trouxeram internautas pra cá…

* * * * * *

Comentários Antigos

Seguem abaixo os comentários antigos, alguns literalmente comentários, outros com informações que podem ser relevantes/interessantes a alguns leitores do post.

GnuoyKun disse…

Uma outra dica bem interessante é como passar algumas propostas difíceis na Dark assembly: geralmente pelo lvl 60 a 80 você vai passar rank suficientes para abrir o prinny world, que sã mapas somente com prinnies. Os dois primeiros são bem chatinhos, mas o tereceiro além de ser bom para upar magos e guerreiros, tem um prinny god lvl 100 (sem nenhuma proposta de stronger enemies) que tem alguns itens razoáveis, como um Testament (400 de hp, 200 para todas outras características). Roube todos os itens dele, deixe-o com pouco hp e sp, mande seus personagens mais fortes para a sabse, e atire com um personagem fraco o prinny god na base. Se tudo correu bem ele será seu, e a partir disso fica mais fácil fazer isso novamente. Eu fiz 3 vezes, e o prinny god além de ter todas as magias omega, incluindo omega heal, tem +-8k de hp, o que ajuda demais quando você precisa na dark assembly de alguém resistente para segurar inimigos enquanto fica atirando os senadores com algum humanóide forte (geralmente laharl)

25 de janeiro de 2010 01:59

Rafael-san disse…

Boa dica. Para ela funcionar melhor ainda (e para eu explicar para quem ainda não fez isso): de vez em quando, entupa sua sacola de itens com alguns itens antigos, que não interessam mais e que estavam perdidos na sua Warehouse. Vá à Dark Assemlby e suborne os senadores de nível alto que aparecerem para a votação (pode ser qualquer prposposta). Depois, pode voltar ao castelo (não precisa votar nada). Com o tempo, vários senadores serão mais propensos a votar a seu favor. Quando precisar votar algo, basta que um ou dois deles (lembre-se: de level alto) estejam lá e votem a seu favor. Se você perder a votação, escolha “Persuade by Force” e vá jogando os senadores de level mais baixo que o que votou a seu favor em cima dele (não encoste em outros que eventualmente tenham votado a seu favor). Com isso ele vai subir de level (o que permite a você jogar senadores mais fortes ainda em cima dele). Faça isso até só sobrar quem votou a seu favor e você passará a proposta.

Creio que era disso que o GnuoyKun falava quando disse sobre “ficar atirando os senadores”.

Gostei da ideia de usar o Prinny God, vou tentar quando chegar mais a frente no jogo.

25 de janeiro de 2010 09:10

GnuoyKun disse…

uhum, era isso mesmo. E isso de dar itens para eles eu pessoalmente não faço, porque demora demais para isso ter uma diferença, e mesmo quando a maioria dos senadores te odeia ainda vai ter um ou outro que vai ser a favor. O complicado é que ele pode estar nas fileiras mais de cima e aí fica difícil atirar os outros para lá… mas outra dica importante: quando estiver atirando os senadores, sempre fique pelo menos a 3 espaços deles; o level dele vai aumentar com cada outro senador que você jogar nele, e se algum inimigo usar um ataque de área que o atinja ele se tornará inimigo. E nada pior do que do nada ter que lidar com um monstro lvl 1500 do seu lado ^^’

mas fazendo isso dá para passar razoavelmente rápido a proposta da cave of ordeal, que tem o melhor lugar para aumentar de nível do jogo o/

25 de janeiro de 2010 23:52

Adrian Carmack disse…

Ótimas dicas… vcs são mesmo feras em Disgaea hein? Quando eu começar a jogá-lo sério essas dicas devem ajudar bastante. Parabéns pelas dicas Rafael-san.

27 de janeiro de 2010 13:23

Rafael-san disse…

GnuoyKun, eu faço esse lance dos itens sem nem perceber. Cada vez que eu tenho que ir na Dark Assembly pra algo (criar personagem, fazer o exame, etc) eu encho minha sacola com itens inúteis (porque vender dá tão pouquinho dinheiro…), pego a proposta de “Raise Military Funds” e distribuo os itens (começando por quem tem nível + alto). Depois vou fazer o que eu quero sem votar nada. Quando eu vou votar, também levo os itens inúteis pra tentar aumentar a chance de alguém com nível decente mais na frente votar em mim. Minha taxa de sucesso não me deixa a nada a reclamar do meu método. Tem vezes que a proposta até passa na votação… O.O

Claro que outros métodos também funcionam.

Eu sempre uso gente que arremesse no mínimo 5 painéis de distância pra não correr o risco de ter gente que era a favor e é “overleveled” se voltando contra mim…

31 de janeiro de 2010 22:02

gnuoykun disse…

huhuhu, já que estou aqui irei incomodar XD

Mas é um detalhe importante para quem quer fazer powerleveling: pesquisei bastante e não há um concenso na internet para quantos Armsmaster é possível se utilizar em um item; alguns lugares diz que pode se usar 1500 e outros que só 1400 são úteis.

De qualquer jeito, vale também ressaltar que mais que 190 dos especialistas de proteção não são uteis num mesmo item, pois 190 iriam anular 90% de vulnerabilidade aquilo e os outros 100 dariam resistência “total”.

E outra dica simples mas útil, é que se for necessário aproveitar ao máximo a potência dos seus itens, ponha os maios fortes em um personagem, ataque com ele e execute. depois remova os itens dele e dê para o próximo, e repita até todos os seus personagens terem se aproveitado de tal item.

Isso é especialmente bom quando você precisa alcançar lugares distantes, usando sapatos que aumentem o MV dos personagens.

25 de junho de 2010 21:39

Anônimo disse…

como q suborna os senadores?

7 de janeiro de 2011 13:11

Rafael-san disse…

Primeiramente, antes de entrar na Dark Assembly separe alguns itens que você não quer mais (ou compre alguns baratinhos) e deixe-os na sua Item Bag. Você não terá acesso à Warehouse de dentro da Dark Assembly, então tem que deixá-los na Item Bag. Não se preocupe com que itens levar pois a opinião do Senadores depende do “número de raridade do item”, não do quão bom ele é… e é muito chato calcular essa fórmula, então leve qualquer coisa.

Dentro da Dark Assembly, antes de pedir para começar a votação, leve o cursor até o Senador que você deseja subornar e “clique” nele.

Abrirá a lista de itens que você tem consigo, vá navegando por ela e veja a reação do Senador antes de escolher se vai dar o item ou não.

As reações “Must Have!”, “Very Interested” e “Interested” melhorarão a “opinião” do Senador (muito, “mais ou menos” e “um pouco”, respectivamente), a opinião “slightly interested” pode não melhorar (mas não piorar) ou melhorar só um pouquinho. As reações “Not very interested” e “Doen not want” piorarão a “opinião” do Senador.

Depois de escolher que item você vai dar basta confirmar a escolha. E aí, o que isso faz?

Cada item (que interesse ao Senador) dado, acrescenta “pontos” (que você não tem como checar) e, se eles forem desinteressantes, subtrai. Se você der alguns itens que interessem ao Senador, a opinião dele sobre você (e as chances dele votar a seu favor) vão melhorando de acordo com a seguinte ordem (do “te odeia” ao “te ama”): Loathe, Total Oposition, Strongly Against, Against, Leaning No, Either Way (“neutro”), Leaning Yes, In Favor of, Strongly for, Total Support e Love♥. Se você der itens que ele não quer, você vai perdendo pontos e percorrendo a mesma “tabela de opiniões”, mas ao contrário.

Lembre: os Senadores são traiçoeiros e nem sempre uma “boa opinião” vai significar um voto a favor… e nem sempre uma opinião ruim vai significar um voto contra. A estratégia de subornar é para melhorar as suas chances de voto favorável, não para garantir o voto a favor.

Lembre 2: Vale mais a pena você tentar subornar primeiro os Senadores de mais alto nível, pois o voto deles tem mais peso (o voto de cada Senador vale o level dele) e também para não tê-lo como inimigo caso você perca a votação e resolva tentar o “Persuade by Force”.

Lembre 3: Se você tentar o “Persuade by Force”, você pode usar Lift/Throw para jogar os Senadores que votaram contra você (e que virão te atacar) nos Senadores que votaram a favor (e ficarão parados): isso resultará num Senador com nível igual a soma dos dois e a seu favor (durante essa luta), ou seja, ele não vai te atacar. Mas para isso dar certo, o Senador ARREMESSADO tem que ser o CONTRA e ter NÍVEL MAIS BAIXO que o Senador a favor, senão você terá um Senador mais forte e contra você. Além disso, evite causar dano nos Senadores que são a seu favor ou eles se voltarão contra você.

7 de janeiro de 2011 14:02

Anônimo disse…

brigado, ajudou muito

só que eu queria saber mais uma coisa…

como que se consegue item como HIPERDRIVE e a arma YOSHITSUNA

esses itens sao incriveis

10 de janeiro de 2011 20:50

Rafael-san disse…

Eita, essa é mais fácil falar do que fazer.

A Yoshitsuna é a melhor arma tipo espada do jogo (é considerada um item “rank 40”). Para se conseguir uma arma rank 40, é necessário se ter uma arma rank 39 (no caso das espadas, é uma chamada Cosmic Blade) lendária, ou seja, aquelas cujo nome pisca em dourado. De posse de uma Cosmic Blade lendária, você deverá enfrentar o Item World dela até o nível B100 (isso mesmo, 100) e ROUBAR a arma do Item God 2 que estará lá (sim, ele estará equipando a Yoshitsuna). Como conseguir uma Cosmic Blade lendária? Não tão fácil… você deve ficar zanzando pelo item World de itens de rank alto até que uma delas venha na listagem de bônus ou equipada em algum inimigo (nesse último caso, forçando você a ter que roubá-la).

O Hyperdrive você ganha como prêmio por ter derrotado o Item God 2 (é necessário ter uma espaço na sua Item Bag -ou Warehouse, segundo alguns- para recebê-lo), que só aparece no B100 de itens “Rank 40”.

11 de janeiro de 2011 18:41

Anônimo disse…

oba oba, vai dar trabalho huahuahua…

brigadao

12 de janeiro de 2011 11:43

Rafael-san disse…

Disponha, Anônimo, o Aglomerado News está sempre disposto a receber comentários e sanar dúvidas, quando possível.

12 de janeiro de 2011 13:56

sadico disse…

outra pergunta

quantos finais tem o jogo e como posso faze-los??

já fiz o final do prinny-laharl

mas vi que tem multiplos finais

isso ta certo?

25 de janeiro de 2011 13:32

Rafael-san disse…

Bem, sadico, eu não vi todos os finais do jogo, mas creio que ainda possa te ajudar.

Segundo o “Disgaea Ending Guide”, postado no site Gamefaqs.com pelo usuário IanMustela, existem os seguintes finais para o jogo:

– Bad Ending 1 (alguns dizem que é o pior final de todos): Zere o jogo tendo passado 100 propostas na Dark Assembly usando a opção “Persuade by Force”. Usando a opção “Raise Military Funds” com uma unidade fraca (e na batalha em si chamando seu mais fortes) deve ser fácil conseguir atingir esse fim, visto que os Senadores em geral não são muito a favor de “liberar a grana”. Ver quaisquer outros dos finais e usar um “New Game +” reseta a contagem de contas passadas por “Persuade by Force”.

– Bad Ending 2: Desça até o andar B100 de um item lendário e derrote o Item God 2 lá. Depois zere o jogo normalmente. Sem muitos macetes, seu grupo tem que estar BEM forte para derrotar esse inimigo.

– Normal Ending: Zere o jogo sem ter preenchido as condições para nenhum dos demais finais (você pode chegar até antes da batalha final cumprindo os requisitos para o “Good Ending”, criar um Save separado, entrar no Tutorial Map, matar um aliado e então ir zerar o jogo; depois você pode carregar o save onde você não matou o seu aliado e ir zerar para ver o Good Ending).

– Final da Conquista do Mundo Humano: Abra o mapa secreto Human World (uma petição para tal aparece na Dark Assembly depois de um certo ponto do jogo) e simplesmente vença todo o mapa.

– Flonne Ending: Antes da última luta do 3º capítulo do jogo, mate 50 aliados (use o Tutorial Map para tal) e vença a luta. Depois dela, lhe será dada um opção de “Matar” ou “Não matar”, escolha a opção de matar.

– Etna Ending: Antes da última luta do 5º capítulo do jogo, mate 100 aliados e depois vença a luta. Assim como no Flonne Ending, haverá a opção para “Matar” ou “Não matar” e você deve escolher “Matar”.

– Mid-Boss Ending: Em quaisquer capítulos onde você enfrente o Mid-Boss na última luta do cenário, perca a luta para ele (deixe ele matar 10 aliados seus).

– Good Ending: Zere o jogo sem ter matado nenhum aliado em batalha (cuidado com ataques de área, que podem acertar seus aliados sem querer) e sem encontrar os critérios para ativar nenhum dos outros finais. Sim, a única diferença para ativar esse ou o “Normal Ending” é que nesse seu contador de “aliados mortos por você” deve ser “zero” para o Good Ending e para o Normal Ending tem quer ser “maior que zero”.

25 de janeiro de 2011 14:30

matheus disse…

oi, sou o anonimo das outras perguntas…

to com um probleminha, na dark assembleia apareceu uma humanoide (ronin), ela voto contra meu favor e eu tive q matar ela, mais depois, como ela é q cuida do hospital, (lugar recupera vida) nao havia ninguem la, só um espada cravada no chao q dizia “there is grave…”

27 de janeiro de 2011 17:45

Rafael-san disse…

Matheus, a princípio isso é apenas uma piada do jogo.

No próximo “Load Game” que você der, deve voltar ao normal.

Se você usa o truque do PSP de deixar o PSP em “modo de suspensão”, salve seu jogo, dê “Quit Game” e depois peça “Load” e a Ronin que cuida do Hospital deve estar lá novamente viva e inteira.

27 de janeiro de 2011 17:55

DELBOR disse…

O jogo disgaea é muito bom

eu ja jogo ess jogo faz um tempão

e continuo descobrindo coisas novass

estou com algumas duvidas são:

pra serve a votação prinnie day

e depois que vc mata o BAAL oque muda no jogo

(alias matar o baal é muito dificil, aquela majorly demorou e foi fods, ultimamente eu andei usando a tecnica de capturar monstros, mas ele é muito poderoso

meu lahaar é lv 2126 e num consegue matar essse chato.)

5 de abril de 2011 16:24

Rafael-san disse…

Olha, DELBOR, eu não cheguei a matar o Baal, mas pelo que pude descobrir, as vantagens de se enfrentar o cara são:

1- A chance de roubar os itens dele, que são ultra-fortes (Nemesis e Super Robo Suit) – e que você pode equipar imediatamente em alguém (ou “alguéns”) para ajudar a matar o Baal.

2- Abrir um chefe ainda mais forte que o Baal.

3- O título do Laharl é mudado (salvo engano, para Tyrant)… não que isso valha de algo.

4- Você pode se gabar para seus amigos que tb jogam Disgaea que você matou o Baal.

Sobre o Prinny Day… outra “feature” do game que eu não testei, mas pelo que vi por aí, na luta seguinte você só poderá usar Prinnies (nenhum outro tipo de monstro, nenhum personagem humanoide) e na Bonus Gauge só haverá itens (nada de bônus de XP ou de dinheiro) e os itens serão melhores que o usual.

Espero ter ajudado.

6 de abril de 2011 14:37

matheus disse…

Depois de um tempo estou de volta ^^

e eu queria sabe de uma coisa

COMO SE PEGA LVL 1000 Q SEJA???

to ficando um pouco doidin ja *-*

mto fods passa meu laharl do 109

o cara do coment acima tem nivel 2000 ja

Brigado desde ja xD

25 de maio de 2011 23:27

Rafael-san disse…

Matheus, procure a dica com o título “Dicas para “Power Leveling” e treino de magias” e ponha em prática as dicas de lá.

Como você já está no level 100 com o Laharl, preste mais atenção na dica a partir da parte que fala do “Field of Virtue”.

Para se treinar no cenário 3 da Cave of Ordeal é bom ter alguns personagens acima do level 100 (só o Laharl vai deixar a luta complicada, embora não de todo impossível) e o Field of Virtue é o cenário ideal pra botar a galera em level 100~150.

26 de maio de 2011 09:02

omega disse…

Em Disgaea para psp teria como aumentar o tamanho do inventario ou se teria um lugar onde amasenalos pois tenho muitos itens lendarios que sao ruins mais gotaria de usar futuramente

13 de junho de 2011 15:17

Rafael-san disse…

Olha, Omega, em todas as minhas andanças pela internet nunca vi uma dica pra expandir a Warehouse do Disgaea (nem a Item Bag).

Se existe alguma maneira (se é que existe) é através de algum artifício tipo GameShark.

Bom jogo!

13 de junho de 2011 16:45

omega disse…

gostaria de saber se e vantagem ficar evoluindo as armas e equipamentos no caso a duvida e referente aos itens raros e lendários pois sao fracos e queria saber se tem limite para evoluir restrição de uso em caso muitos jogos de rpg tem que evoluir para usar a arma e se evoluir de mais se a arma nao quebra pois estou com uma espada lendaria numero 3 se vale a pena ficar evoluindo os itens.

15 de junho de 2011 19:05

Rafael-san disse…

Omega, não tenho certeza se eu entendi sua pergunta, mas você não é o primeiro a me perguntar sobre Itens e Equipamentos, então eu dei uma explicação sobre tal tema numa nova “dica”.

Essa dica não responde diretamente (muito provavelmente) sua pergunta, mas talvez te dê base para descobrir se vale ou não a pena manter seus itens lendários (ou melhor, quais deles vale a pena manter).

“Limite para evoluir” um item, se eu entendi certo sua pergunta, é o quanto você pode avançar no Item World dele. 30 andares para itens “normais”, 60 para “raros” e 100 para “lendários”.

Em Disgaea não existe (até onde me é dado saber) limite para um personagem usar uma arma. Qualquer personagem usa qualquer arma (única restrição: Monstros só equipam “armas para monstros” e humanoides não equipam “armas para monstros”). Então um personagem (humanoide) level 1 pode, até onde eu tenha ciência, equipar uma Yoshitsuna (a melhor espada do jogo, Rank 40), lendária e em level 100 sem problema.

Também não existe em Disgaea essa de armas “quebrarem”. Nunca nem vi os Rogues da máquina roubando itens do jogandor, então as únicas maneiras de se “perder um item” são usando (no caso de um item consumível, como os que recuperam HP ou SP) ou “descartando ativamente”. Vendendo. Ou dando como “suborno” a um Senador na Dark Assembly.

Leia a nova “dica”: “Itens e Equipamentos” e se ainda sobrar dúvida, pergunte que eu tentarei saná-la!

16 de junho de 2011 21:25

* * * * * *

Na época que eu joguei Disgaea no PS2, eu fui bem longe no jogo e cheguei a ver alguns dos finais dele, embora não tenha feita tudo o que é possível no jogo, creio que possa sanar muitas dúvidas sobre Disgaea. Se você quiser, pode deixar a sua aqui nos comentários ou mandar um e-mail pra gente, ela será respondida, dentro da medida do possível.

Rafael-san, O Enxugador de Gelo

Comments

  1. Responder

  2. Responder

  3. Responder

  4. Responder

  5. Responder

  6. Responder

  7. Responder

  8. Responder

  9. Responder

  10. By Rafael-san

    Responder

  11. By ma1con9

    Responder

    • By Rafael-San

      Responder

  12. By Wilson

    Responder

    • By ma1con9

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *