30 de Janeiro é o Dia do Quadrinho!

Era pra ser um post no dia 30…mas o que vale é a intenção! xD
Eu realmente não sabia que existia esse dia! Porém, fico feliz que possa ser reconhecido de alguma forma. Muitos não aceitam mas é uma forma incrível de arte, comunicação e educação. 
Não vou fazer uma dossiê “A Historia dos Quadrinhos” senão vamos varar dez posts (no mínimo) pra tentar fazer algo imparcial (e tendo no grupo Aglomerado News gostos tão distintos sobre HQ, é melhor nem tentar…). Por isso eu prefiro fazer, ao invés de um histórico, fazer uma recomendação!

Se você tem a mesma opinião que eu pode concordar que quem gosta de quadrinhos gosta de imaginar, gosta de viajar em histórias novas, gosta de ver um mundo novo e irreal, tão possível de acreditar quanto a velocidade de um passar de páginas. Quase todos que gostam de quadrinhos sentem alguma simpatia por contos de fadas, seja pq ouviu na infância ou pq tem segundas interpretações pra essas histórias. Foi pensando nisso que, em 2002, a Vertigo lançou a série Fábulas (Fable), sobre o mundo dos personagens de clássicos contos de fadas, inseridos em histórias mais…hmmm….”reais”.
Imagina o quão dificil deve ser para esses personagens, que antes viviam no mundo da fantasia, serem jogados entre os seres humanos, vivendo disfarçadamente numa Nova York insana, caótica, mas acima de tudo, real. Essa é a base de Fábulas, muita piração, ironia com os estigmas da sociedade e com os clichês dos contos de fadas, tudo isso com um texto adulto e muito refinado. Nada diferente do universo Vertigo.
Fábulas foi premiada com dois Eisners, um de Melhor Nova Série e outro de Melhor Arco de História, e foi escrita por Bill Willingham, veterano da Vertigo.
Se você é daqueles que esta de saco cheio com os loops das histórias atuais, repetição de conceitos e falta de originalidade, poderá ter em mão uma incrível opção. Não é uma série exatamente nova, mas assim como um bom livro ou um bom filme, é boa de ler, qualquer que seja a época.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *