[TOP 5: Músicas] Músicas para sentir saudade


Bem, mais um conceito de série aproveita do Maybe Music.
É o momento que eu tenho para falar de música, indiferente de gostos e estilos. Democracia músical, com apenas um requisito básico: estar dentro do tem da vez!

O tema a abrir essa série é a saudade. Pq, querendo ou não, música nos faz pensar ou lembrar de alguma coisa, de alguem, de algum período, de algum sentimento… Veja se alguma das músicas abaixo te faz sentir saudades ou siga para o próximo post…heehheheh

Silverchair – Miss You Love

O MEGA hit da banda Silverchair fez muita gente chorar em meados de 98 (e faz até hoje, com certeza). essa música impulsionou bastante a popularidade da banda, tendo sido usada em filmes, séries, novelas, comerciais, cartões de Dia dos Namorados, arquivos PPS…

Radiohead – Thinking About You

Uma linda balada do álbum “Pablo Honey”, abafada pelo estrondoso sucesso de “Creep”. A identidade do Radiohead ainda estava em desenvolvimento, e muito comparável a outras bandas da época. Acredito que Pablo Honey tenha sido o disco com mais músicas que falam de “amor”, da banda.

Queen – Love of My Life

Essa música dispensa apresentações. Uma da maiores baladas ja feitas na história do rock.
E pra você que acha que esta música foi feita para um grande “relacionamento gay” de Freddy (Mercury), esta redondamente enganado! Ela foi feita para a melhor amiga dele, que era considerada, por ele, o grande amor de sua vida. É um dos maisores hits da banda!

Jack Johnson – Do Remenber You

Violãozinho de praia do Jack Johnson é muito nostalgia! É foda escolher uma música dele dentre tantas que me lembram varios momentos, mas Do Remenber You se encaixa perfeitamente nesse Top List. A música fala do amor inocente, detalhes e simplicidades de uma relacionamento de 10 anos atrás. Bela música.

Bjork – I Miss You



Se você ja sentiu saudade de algo que não aconteceu e alguem que nunca viu (Freud explica?) não tem música melhor! Música do álbum “Post”, talvez o álbum com a maior quantidade de hits da carreira dela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *