Sherlock Holmes: O Jogo de Sombras (Sherlock Holmes: A Game of Shadows)

Sherlock Holmes: O Jogo das Sombras começa de onde o primeiro filme terminou. Watson está a poucos dias de se casar, enquanto Sherlock Holmes continua em busca de pistas que o levem a incriminar aquele que é seu grande rival: Professor Moriarty.

Criando uma trama simples mas que é mostrada de forma complicada desnecessariamente, a grande força desse filme acaba se encontrando no carisma dos personagens que estão nele, como o irmão de Sherlock Holmes e o vilão Moriarty, que roubam a cena toda vez que aparecem, e olha que essa é uma tarefa difícil, já que a dupla de heróis interpretada por Robert Downey Jr. e Judd Law continuam mostrando excelente química em todas as cenas que contracenam, permitindo inclusive que o diretor brinque com essa “relação” deles ao mostrar o detetive travestido de mulher chamando Watson para junto dele ou mostrando os dois em outro momento dançando juntos.

O segundo filme continua sendo bem sucedido em mostrar a inteligencia do personagem principal, que sempre está um passo a frente das pessoas que o cercam. Todas as cenas mostram o Sherlock Holmes traçando seus próximos movimentos e verificando cada detalhe dos lugares que visita conseguindo transmitir bem ao espectador o quão habilidoso é o personagem em ver e lembrar de detalhes que outras pessoas não perceberiam.

Os melhores momentos deste longa residem na batalha entre Sherlock Holmes e seu arqui-inimigo Professor Moriarty. Ambos respeitam um ao outro por conhecer bem as habilidades que cada um tem, e de certa forma parecem saborear cada segundo da batalha que estão travando.

A trilha sonora do filme é composta por Hans Zimmer, que mantém seu bom nível e mais uma vez nos entrega ótimas composições.

Sherlock Holmes: O Jogo de Sombras é um filme acima da média, mesmo falhando no aspecto de ter uma trama simples que não desafia o espectador, ele consegue se segurar pelos personagens que estão ótimos e trazem bastante diversão para quem quer ver um filme de ação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *